Eduarda Corrêa Arquitetura & Interiores

Eduarda Corrêa Arquitetura & Interiores

Eduarda Corrêa Arquitetura & Interiores
Eduarda Corrêa Arquitetura & Interiores
Número incorreto. Por favor, corrija o código do país (+55 para o Brasil), código da cidade ou número de telefone.
Ao clicar em 'Enviar', confirmo que li os Política de privacidade e aceitei que a minha informação será processada para responder ao meu pedido.
Nota: Poderá anular seu consentimento enviando email privacy@homify.com com efeito futuro
Enviado!
O profissional irá responder o mais breve possível.!

LOJA TETUM

NOVA

LOJA TETUM

O projeto da nova Loja Tetum foi pensado valorizando os preceitos da sustentabilidade e o impacto estético na região. A edificação foi implantada respeitando as áreas permeáveis e as árvores de grande porte existentes no terreno, que eram umas das exigências da proprietária. O projeto baseou-se na criação de dois grandes galpões, interligados por uma passarela de madeira e vidro que permite a entrada de iluminação natural e a visualização da vegetação existente.

Nesta passarela e nos grandes panos de vidro usamos películas especiais com tratamento de controle solar, o que permite que a incidência do sol não transforme os espaços em locais de pouco conforto térmico. Usamos também o recurso de ventilação cruzada para não necessitarmos de ar condicionado. Outro ponto importante é que a grande incidência de iluminação natural e o uso de lâmpadas eficientes dão ao projeto a eficiência energética exigida pelos padrões internacionais de sustentabilidade.

A eficiência hídrica também foi adotada neste projeto desde o início, através da captação de água da chuva e o correto armazenamento da mesma, fornecendo estoque suficiente para parte do abastecimento de água do empreendimento.

Para a construção dos galpões optou-se pelo uso da estrutura metálica, pela agilidade no processo de montagem, praticidade e possibilidade de vencer grandes vãos facilmente. As lajes são em Steel Deck e as telhas termoacústicas foram ultilizadas para ajudar no conforto térmico do empreendimento. A preservação das árvores pré-existentes e a integração da edificação com o paisagismo também é outro ponto alto do conforto climático pretendido para o empreendimento.

Tanto a passarela de ligação entre os dois galpões quanto a escada que leva ao segundo pavimento foram executadas em madeira certificada FSC. O piso da escada se prolonga de forma a criar um grande móvel com nichos que serve de pano de fundo para a bancada de vendas. O guarda-corpo todo em vidro laminado traz leveza a escada e não esconde a unidade criada entre esses dois elementos.  

O revestimento da fachada, além de proteger a parede contra a infiltrações de águas pluviais, possui permeabilidade ao vapor d’água que permite a parede “respirar”, eliminando a umidade interna sem formação de bolhas.

Todos os materiais utilizados nessa obra passaram por criteriosa análise de baixa emissão de COV (composto organo-volátil), fato esse imprescindível para a obtenção do selo internacional LEED.

O piso foi revestido em Sinebeton, que imita o cimento queimado, mas não exige o uso de juntas de dilatação, pois é um piso monolítico. Nas paredes, houve a mesma preocupação em se utilizar tintas de baixa emissão de COV.

Outro item essencial a esse projeto foi a preocupação com a acessibilidade. Dessa forma, utilizamos elevadores para acesso aos andares e banheiros com todos os pré-requisitos necessários.

O uso de materiais regionais como a pedrão sabão utilizadas nos lavabos e granitos utilizados em algumas escadas e área de funcionários foram escolhidos de forma a obter pontos necessários a obtenção do certificado LEED. 

A estrutura metálica desta obra foi pensada para ficar totalmente exposta e valorizada. O volume central do mezanino forma uma “caixa” que se apoia em uma das grandes vigas metálicas que sustentam a edificação.

A telha metálica (termo-acústica) da cobertura foi pintada de preto de forma a esconder as eletrocalhas e tubulações aparentes. Na face externa, foi usada uma tinta especial refletora para impedir a entrada do calor.

Durante o dia, parte da fachada que é a vitrine da loja fica aberta e a noite é fechada por uma porta de correr em estrutura de alumínio e trançado em bambu natural.

Um portico de concreto aparente marca a entrada, valorizando a porta de alumínio e vidro na mesma cor do concreto.

Um projeto bem intencionado já nasce com os pré-requisitos necessários para se tornar um projeto sustentável.

  • LOJA TETUM:   por Eduarda Corrêa Arquitetura & Interiores

    LOJA TETUM

  • LOJA TETUM:   por Eduarda Corrêa Arquitetura & Interiores

    LOJA TETUM

  • LOJA TETUM:   por Eduarda Corrêa Arquitetura & Interiores

    LOJA TETUM

  • LOJA TETUM:   por Eduarda Corrêa Arquitetura & Interiores

    LOJA TETUM

    Livros de ideias de editores do homify com esta foto
    Livros de ideias: 2
    ["BR"] [Published] 6 itens indispensáveis na sala de estar
    ["BR"] Referências: luminárias de chão
  • LOJA TETUM:   por Eduarda Corrêa Arquitetura & Interiores

    LOJA TETUM

  • LOJA TETUM:   por Eduarda Corrêa Arquitetura & Interiores

    LOJA TETUM

  • LOJA TETUM:   por Eduarda Corrêa Arquitetura & Interiores

    LOJA TETUM

  • LOJA TETUM:   por Eduarda Corrêa Arquitetura & Interiores

    LOJA TETUM

    Livros de ideias de editores do homify com esta foto
    Livros de ideias: 1
    ["BR"] [Published] A estética da madeira na arquitetura
  • LOJA TETUM:   por Eduarda Corrêa Arquitetura & Interiores

    LOJA TETUM

  • LOJA TETUM:   por Eduarda Corrêa Arquitetura & Interiores

    LOJA TETUM

Admin-Area