Gislene Lopes Arquitetura e Design de Interiores

(31) 3281-4133

Apartamento Santo Agostinho

Informações sobre o projeto:

Localização: Bairro Santo Agostinho  Belo Horizonte / MG

Dimensão: 60 m²

Ano de conclusão da Obra: 2012

Memorial Discritivo:

Este apartamento localiza-se em um edifício projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer, na região central de Belo Horizonte. Foi realizada uma reforma integrando todos os ambientes do apartamento, criando um loft.  O uso de cores fortes traz mais personalidade para cada espaço. A escolha de peças de design, como a luminária da Micasa e poltrona Charles Eames, e o uso de linhas mais retas e sóbrias criam uma harmonia com todo o aspecto lúdico dos ambientes. O piso de taco de madeira em peroba do campo original do apartamento foi mantido e recuperado. As grandes janelas, originais da arquitetura, acompanham todos os cômodos com uma bela vista da cidade. Na decoração procurou-se voltar todas as visadas para estas janelas, sem obstruí-las e deixando todo o apartamento bem mais iluminado. O aspecto mais clean do banheiro foi quebrado com o uso da cerâmica pavão nas paredes.

Os proprietários deste apartamento são um casal jovem, que moram em uma cidade próxima mas trabalham em Belo Horizonte. Eles precisavam de um local de apoio na cidade para ficarem durante a semana, um local que fosse funcional e agradável. Não era necessário nada muito grande, o que poderia causar maiores dificuldades no seu cotidiano. Neste contexto e já sabendo da história do Edifício JK, o apartamento ali localizado foi perfeito para abrigar suas necessidades, com praticidade e conforto. O objetivo nessa escolha era um espaço com personalidade, que traduzisse seu estilo de vida. Um apartamento no edifício projetado por Niemeyer traduz a originalidade do casal e por isso o interior do seu apartamento segue neste mesmo desafio.

O apartamento original, antes da reforma, possuía uma sala e uma cozinha muito pequenas. A cozinha não possuía iluminação natural suficiente e não existia uma área de serviço. Logo na entrada do apartamento tínhamos um longo corredor que dava acesso aos dois quartos e um banheiro, onde ficava o tanque de serviço. Neste corredor já existia um espaço destinado a um grande armário. O espaço reservado ao banheiro era adequado à proposta mas também não tinha iluminação natural.

Foi realizada uma reforma integrando todos os ambientes do apartamento, criando um loft. A antiga sala foi integrada com a cozinha, deixando-a mais espaçosa, o que tornou possível criar um balcão de refeições e uma área de serviço dentro deste ambiente. O corredor e um dos dois quartos existentes no apartamento foi transformado em uma sala de estar, também integrada com a nova cozinha. O armário do antigo corredor foi então remodelado e aproveitado dentro da sala de estar. O outro quarto existente foi mantido, com um novo acesso mais amplo próximo à janela. O novo banheiro funciona ao mesmo tempo como um lavabo para a sala e como suíte para o quarto. Parte da parede que o divida com o quarto foi demolida e deu lugar a um vidro screen lite, que é opaco mas permite a passagem de luminosidade, melhorando a iluminação de todo o ambiente. O piso de taco de madeira em peroba do campo original do apartamento foi mantido e recuperado e amplia a integração de todos os ambientes. As grandes janelas, originais da arquitetura, acompanham todos os cômodos com uma bela vista da cidade. Na decoração procurou-se voltar todas as visadas para estas janelas, sem obstruí-las e unindo todas através das aberturas entre os ambientes, deixando todo o apartamento bem mais iluminado.

Local
Belo Horizonte

Admin-Area