Martins Lucena Arquitetos

Martins Lucena Arquitetos

Martins Lucena Arquitetos
Martins Lucena Arquitetos
Número incorreto. Por favor, corrija o código do país (+55 para o Brasil), código da cidade ou número de telefone.
Ao clicar em 'Enviar', confirmo que li os Política de privacidade e aceitei que a minha informação será processada para responder ao meu pedido.
Nota: Poderá anular seu consentimento enviando email privacy@homify.com com efeito futuro
Enviado!
O profissional irá responder o mais breve possível.!

Casa Alphaville

Casa Alphaville

Esta residência de 426,00 m² situa-se no Condomínio Residencial Alphaville de João Pessoa.  Desenvolvido em uma antiga propriedade rural de engenho, de meados do século XIX denominada Fazenda Boi Só, o condomínio está inserido no bairro dos Estados, uma importante área residencial da capital paraibana.  O local conserva ainda hoje uma histórica casa de engenho, que resgata a lembrança de um passado rico e rural das antigas casas senhoriais do século XIX. Devido a sua importância dentro do contexto histórico da cidade, o local foi tombado pelo IPHAEP – Instituto de Patrimônio Histórico do estado da Paraíba desde 1980 Desse modo, o projeto arquitetônico seguiu criteriosamente as normativas vigentes do instituto de patrimônio.

A residência foi projetada atendendo ao pedido do cliente que desejava uma casa com amplas áreas de convivência e descanso, a fim de receber confortavelmente amigos e familiares. Assim, desenvolvemos um tratamento contemporâneo tendo como partido a referência aos elementos típicos da arquitetura regional das casas de fazenda nordestina. Entre os exemplos evidentes desta intenção está o grande telhado com estrutura de madeira ipê, que avança sobre as varandas dos quartos, por meio de um grande beiral apoiado por estruturas de aço, que conferem leveza ao conjunto.

O clima quente do nordeste foi preponderante para determinação da proposta adotada, ocasionando a escolha de soluções que amenizassem as temperaturas e favorecessem o conforto térmico. Como exemplo o uso de pé-direito duplo, amplas varandas, ao longo dos ambientes, espaços de sombreamento através de extensos beirais e grandes aberturas de esquadrias que exploram diferentes vistas e permitem a entrada de luz e ventilação cruzada para salas e os quartos. 

O eixo longitudinal da construção disposto no sentido Nordeste-Sudoete garante que todos os ambientes de longa permanência encontrem-se com aberturas nas fachadas, voltadas para os locais de constante ventilação provinda tanto do sentido Sudeste como Nordeste, somada ao aproveitamento da iluminação natural.

A casa distribuída em dois pavimentos abriga no térreo os ambientes sociais e de serviço, sempre receptiva aos hóspedes e as confraternizações; já o pavimento superior recebe a área intima da edificação. A residência possui o acesso através de uma grande porta de madeira, recepcionado por um hall de entrada que conduz o morador ao setor social, serviço e íntimo, sem os cruzamentos dos fluxos. 

Buscamos neste projeto proporcionar grandes espaços abertos, sem definições rígidas entre o interior e o exterior, com muita luz e iluminação natural, através de esquadrias de vidro e madeira, presente na enorme sala, com vista para piscina, jardim e para o terraço que contorna toda a sala. As suítes projetadas com áreas bem generosas e confortáveis estão distribuídas de modo racional e modular, ligadas a uma extensa varanda de descanso e contemplação da paisagem local; envolvida por jardineiras que circundam todo o pavimento superior, tornando o espaço mais acolhedor e de clima mais ameno. 

O sistema de construção que propusemos foi o convencional: estruturas em concreto e fechamentos em alvenaria.  Como elementos marcantes, observamos a caixa de escada em pedra, e a caixa d’água elevada que surgi entre as duas águas da coberta, fazendo um contraponto vertical em relação à horizontalidade do conjunto.

Projeto – Habitação Unifamiliar;

Arquitetos - Kleimer Martins e Márcio Lucena;

Colaboração - Deborah Barbosa, Sayonara Santos;

Estrutura – Eng. Aurélio Marcolino;

Local – Alphaville, Bairro dos Estados, João Pessoa, Paraíba, Brasil; 

Ano Projeto – 2011-2012;

Área do Terreno – 510,83 m²;

Área de Construção – 426,41 m²;

Área de Solo Permeável – 158,40 m²;

Tipologia – Térreo + 01 Pavimento;

Imagens 3D - Michel Amorim;

Edição Imagens 3D – Max Brito.

Dimensões totais
426.41 m² (Área)
Local
João Pessoa PB Brasil

Admin-Area