Jardineiros - Recife: Encontre os melhores profissionais | homify

0 Jardineiros em Recife

Cidade
A sua pesquisa não obteve resultados. Seja o primeiro a carregar fotos nesta categoria.

Contratando jardineiros em Recife

Cultural, intensa e naturalmente rica, a cidade do Recife foi a primeira capital fundada no Brasil e traz consigo muita história e diversidade. Além da influência histórica de holandeses, índios e portugueses, a cidade está também intimamente ligada a eventos folclóricos e musicais com Olinda – onde o frevo e o maracatu batem no coração de cada morador – e do forró e baião, tão valorizado no interior sertanejo.

Também conhecida como a Veneza Brasileira, Recife conta com manguezais e vasta diversidade entre os tipos de ecossistemas espalhados por seus arredores. Com resquícios da mata atlântica e proximidade com o sertão, a flora e a fauna local são extremamente ricos, dispondo de excelentes opções nativas que se adaptam muito aos jardins na cidade.

E em uma cidade tão quente o ano todo, nada melhor do que ter por perto um jardim para amenizar as ondas de calor, proporcionar melhor qualidade do ar – o que é importantíssimo em uma cidade tão urbana e repleta de carros e grandes indústrias.

Por esses e muito mais motivos, contar com os serviços de um bom jardineiro sempre faz toda a diferença na qualidade de vida para casas, apartamentos, edifícios e comércios. Nessa página, além de conhecer os melhores jardineiros de Recife, você encontra também boas dicas sobre como projetar um jardim perfeito para qualquer espaço. 

Como desenhar um projeto de jardinagem em Recife

Um bom jardim em Recife deve considerar as principais características climáticas da cidade. Com o calor sempre intenso, é importante, por exemplo, saber em quais espaços o sol é mais frequente pela manhã e pela tarde.

O ideal é que para um jardim com flores e plantas delicadas, a presença do sol nascente seja melhor aproveitada. Para isso, o jardineiro deverá indicar quais posições as plantas deverão ocupar. Para quem mora em um local alcançado apenas pelo sol da tarde, o ideal é que espécies mais resistentes, como cactos e suculentas, sejam escolhidas para o canteiro.

Os jardins podem ser divididos entre jardins externos, geralmente no quintal ou pátio, ou jardins internos – também chamados de jardins de inverno.

Dependendo da escolha e do projeto decorativo, o jardim poderá contar com outros elementos complementares importantes, como pedras, fontes, móveis, vasos, iluminação e peças decorativas. Isso, claro, considerando se o projeto será dentro ou fora de casa.

Quais os principais tipos de jardins

Desejar ter um jardim em casa é sempre uma ideia que vale a pena. No entanto, antes disso, é importante entender quais os principais tipos de jardins que existem para dentro ou fora de casa.

Por ser uma cidade grande e desenvolvida, Recife está cada vez mais verticalizada, o que acaba resultando em apartamentos menores. Isso, no entanto, não quer dizer que esse tipo de habitação não possa receber um jardim. Existem diferentes formatos que poderão se adaptar muito bem às necessidades de cada espaço. Dos lindos projetos de paisagismo aos delicados jardins verticais, são muitas as possibilidades para quem deseja ter o conforto das plantas por perto.

Jardim externo: esse tipo de jardim é o mais tradicional. Geralmente desenhado como canteiros no solo ou com o uso de vasos, os jardins externos são perfeitos para quem dispõe de espaço no quintal ou pátio. De pequenos recantos floridos às hortas urbanas, as ideias são muitas e, certamente, valorizam ainda mais a fachada da casa.

Jardim interno (ou jardim de inverno): são jardins menores desenhados nos ambientes internos. Podem ser muito bem adaptados em salas de estar, áreas gourmets e até banheiros. O ideal para esse tipo de jardim é que sejam consideradas as condições de iluminação e ventilação natural para que sejam escolhidas as melhores espécies de plantas que se adaptarão às condições locais.

Jardim vertical: os jardins verticais estão em alta e resolvem muito bem a falta de espaços nos pequenos apartamentos tão comuns na região central de Recife e em outros bairros valorizados, como a região de Boa Viagem. Esses tipos de jardins são adaptados em paredes e podem ser desenhados para as mais diferentes finalidades, como hortas, paredes verdes (que garantem conforto térmico e acústico para os interiores) e tantos outros formatos com samambaias e outras plantas que se adaptam muito bem a essa ideia. Na cozinha, por exemplo, um jardim vertical com temperos e aromáticas é uma ótima ideia.

Telhado verde: são telhados cobertos com plantas. Modernas, essas soluções viraram até mesmo lei municipal para edifícios com mais de 4 andares e 400 m². Sob número 18.112/2015, a lei tem como objetivo aumentar as áreas verdes da cidade e minimizar as ilhas de calor. Para os moradores, as vantagens vão ainda além, já que esse tipo de cobertura refresca o interior da casa e garante conforto acústico bloqueando ruídos externos.

Quais as principais espécies de plantas para cultivar em Recife

Entender os principais tipos de plantas que melhor se adaptam ao clima de Recife é uma ótima maneira de começar a planejar um jardim desde já.

Em meio a tantas opções, algumas são mais comuns e tendem a resistir melhor ao cultivo na cidade:

  • Pau-Brasil
  • Peroba
  • Sucupira-Branca
  • Xique-Xique
  • Baraúna
  • Mandacaru
  • Sumaúma
  • Pororoca
  • Ubaia
  • Munguba

Além disso, conversar com um bom jardineiro com boa experiência em projetos na cidade será muito importante para garantir as escolhas certas – seja qual o formato do jardim pretendido.

Como contratar um jardineiro em Recife

Recife conta com excelentes centros de formação para arquitetos, urbanistas e engenheiros. Entre faculdades privadas e públicas, um seleto grupo de grandes profissionais coloca seu talento em evidência nas ruas, prédios, lojas, shoppings, praças, condomínios, orla e residência da cidade.

Muitos desses profissionais estão disponíveis na homify, onde apresentam os projetos desenvolvidos por meio de portfólios muito fáceis de serem encontrados e analisados cuidadosamente. Isso garante que quando chegar o momento do contato, os clientes conheçam bem quem são os tipos de profissionais que desejam contratar.

Além disso, o próprio contato é facilitado na plataforma. Basta clicar no botão de contato na página do profissional e solicitar o orçamento. É rápido, fácil e gratuito.