Jardineiros - Porto Alegre: Encontre os melhores profissionais | homify

0 Jardineiros em Porto Alegre

Cidade
A sua pesquisa não obteve resultados. Seja o primeiro a carregar fotos nesta categoria.

Jardineiros em Porto Alegre

Os jardineiros em Porto Alegre estão habituados a trabalhar com versatilidade. Os terrenos na cidade possuem uma geografia com morros e baixadas. A variedade também está no clima, com bastante umidade provocada pelo lago Guaíba e pelas diferenças de temperatura entre uma região e outra.

Por tudo isso é que você precisa pesquisar bem para encontrar o jardineiro em Porto Alegre que conheça as características da sua região e faça um bom trabalho no plantio e manutenção das plantas no seu jardim.

Qual a diferença de contratar jardineiro ou paisagista?

Existe muita diferença entre contratar um jardineiro ou um arquiteto paisagista, pois cada profissional tem uma função específica. Se você deseja fazer um projeto de paisagismo, contando com alterações completas no espaço, quem vai elaborar esse projeto é o arquiteto paisagista.

Um projeto paisagístico inclui alterações de pisos, mobília, construções para dar um novo aproveitamento do espaço e, também, as novas plantas que irão compor o ambiente. Para que tudo isso seja possível o projeto também considera alterações de elétrica e hidráulica.

Quando o projeto estiver em execução, na parte que envolve as plantas, então entra o serviço do jardineiro. Depois do projeto pronto esse profissional é que vai ajudar você a fazer a manutenção periódica.

Tipos de serviço que faz um jardineiro

O jardineiro é o profissional que trabalha diretamente com o plantio e manutenção de espécies de plantas. É comum ver esse profissional trabalhar em locais com jardins grandes que necessitam de manutenção constante. Mas não é apenas isso que o jardineiro faz.

Pode contratar esse profissional se você tem um projeto criado por um arquiteto paisagista e agora deseja executá-lo. Um dos profissionais responsáveis por essa execução é o jardineiro, que vai ler o projeto para saber quais as espécies de plantas, tipos de adubo, quantidades e posicionamento dos canteiros ou vasos no terreno. Tudo o que estiver relacionado ao plantio no terreno é feito pelo jardineiro.

Depois de estar com o seu projeto de paisagismo pronto, também pode contratar um jardineiro periodicamente para fazer a manutenção do espaço. Ele vai fazer as regas, adubação, podas, replantio e o que mais for necessário.

Para fazer tudo isso não basta que o jardineiro saiba apenas os dias de rega das plantas e como deve podá-las. Um bom profissional tem conhecimento de botânica, conhece as plantas pelo nome científico, tem conhecimento técnico sobre adubos, solo, espécies de plantas para jardins, necessidades climáticas e tudo mais. Por isso que ele também vai poder ajudar na hora de trocar de espécies no jardim ou alterar o local de algumas já existentes.

Como contratar jardineiros em Porto Alegre?

Os jardineiros em Porto Alegre trabalham por conta própria ou em empresas de paisagismo e jardinagem. Como há muitas empresas e profissionais desse segmento na cidade, o melhor a fazer é começar a pesquisar pelos perfis listados aqui na homify. Essa é uma forma de conhecer o trabalho de cada profissional antes mesmo de entrar em contato com ele. Depois que selecionar os que mais gostou, basta entrar em contato, pela mesma página, para solicitar orçamentos.

Com esses orçamentos em mãos, que devem ser pelo menos três, você pode avaliar o que cada profissional está oferecendo e chegar ao custo benefício ideal. Uma dica é que você se lembre do deslocamento. Se estiver precisando de um serviço mais em conta e na dúvida entre o jardineiro que atende longe e o que está no mesmo bairro, talvez seja melhor escolher o que está mais perto, pois ele terá menos custo para chegar ao local do serviço.

Quanto custa serviço de jardinagem em Porto Alegre?

O preço do serviço de jardinagem vai depender do tamanho do espaço a ser trabalhado, se vai contratar um profissional autônomo ou empresa e, claro, da complexidade do serviço.

As formas de cobrança mais comuns são empreitada, que pode ser um dia inteiro de trabalho, uma determinada quantidade de dias ou um serviço fechado, como no caso da execução de um projeto de paisagismo. Também pode ser para a manutenção periódica do jardim, a combinar com o profissional se vai ser a cada quinze dias ou mensalmente.

A questão é que, entre tantas opções de serviço e de cobrança, é o próprio jardineiro que vai fazer o seu preço, com base na média praticada em Porto Alegre, no custo dos materiais de trabalho e nos encargos que precisa pagar, como INSS, refeição e transporte.

Não há uma tabela de base para seguir, por isso que é tão importante você pesquisar e pedir orçamentos. Assim terá ideia do que cada profissional oferece e do quanto cobra, chegando a uma média que considere justo.

Plantas para paisagismo e jardinagem em Porto Alegre

Você não precisa escolher apenas as plantas nativas da sua região para colocar no jardim. Porém, vale lembrar que, se você der preferência a elas, há uma probabilidade muito maior de se adaptarem bem ao solo e ao clima e se desenvolverem mais bonitas e saudáveis.

Para os jardineiros em Porto Alegre, escolher espécies nativas para compor os jardins não é problema, independentemente do gosto do cliente. Uma das grandes vantagens é que a cidade está em uma zona limite onde há Mata Atlântica e o bioma do Pampa. Logo, são muitas espécies de plantas que podem ser utilizadas, de acordo com o estilo que você quiser para o seu jardim.  

Na cidade há pouca preservação das matas nativas, apenas 24%, pois o fato de ser uma região metropolitana fez com que houvesse muitas alterações do homem. Mas ao observar o Jardim Botânico e outras áreas de preservação e arborizadas, dá para ter ideia das espécies, como por exemplo as gramas, plantas rasteiras e arbustos, se quiser um jardim mais rústico.

Algumas outras espécies nativas que pode utilizar, de acordo com o espaço e a profundidade do seu terreno, são aroeira, unha-de-gato, crista-de-galo, camboim, pitangueira, cedro, figueira, aguapés, pontederia e sagittaria. Das grandes árvores, se tiver um bom espaço de jardim, também pode plantar ingazeiro, ipê-amarelo, ipê-roxo, butiazeiro, corticeira-da-serra, jerivá e umbuzeiro.