Eletricistas - Sao Luis: Encontre os melhores profissionais | homify

0 Eletricistas em São Luís

Cidade
A sua pesquisa não obteve resultados. Seja o primeiro a carregar fotos nesta categoria.

Tudo sobre Eletricistas em São Luís

Foi no final do século 19, mais precisamente em 1879, que a eletricidade chegou ao Brasil, no Rio de Janeiro, na época do Imperador Dom Pedro II, dando início a uma completa transformação no estilo de vida das pessoas.

Alguns anos mais tarde, em 1945, foi criada a Companhia Hidrelétrica do São Francisco para então fornecer energia elétrica à população do Maranhão no lugar da norte-americana que cumpria com essa função por meio de uma usina térmica a vapor. Entretanto, foi em 1958 que surgiu a Companhia Energética do Maranhão – CEMAR, que até os dias atuais é a produtora e distribuidora de energia para todo o estado.

A partir de então, a profissão de eletricista em São Luís começou a ser cada vez mais necessária, tanto para prestar serviço à própria CEMAR, quanto para realizar as instalações e manutenções elétricas nas residências e demais edificações privadas. Hoje em dia há muita oferta de serviços de eletricistas em São Luís, o que torna mais fácil contratar esse profissional para diversos tipos de serviços.

Quando devo chamar um eletricista?

Como você chegou até aqui na busca por eletricistas em São Luís, já deve ter em mente o que precisa que esse profissional faça. Mas será que sabe para quais serviços pode contar com o eletricista? Veja a seguir os principais, relacionados à eletricidade urbana.

  • Execução de projetos elétricos: quando você vai construir ou reformar, o arquiteto que contratar vai elaborar um projeto executivo completo para a obra, incluindo as especificações do projeto da parte elétrica. Esse tipo de projeto também é feito por um engenheiro eletricista. Mas quem irá executar esse projeto é o eletricista, que está apto a ler o projeto e a realizar todas as etapas dessa execução, com os cuidados necessários para que não haja qualquer risco aos trabalhadores da obra.
  • Instalações e consertos pontuais: quando tiver qualquer tipo de problema que envolva a parte elétrica da residência, a forma mais segura de resolver é contratando um eletricista. Mesmo se você não sabe ou não pode executar tarefas simples, como trocar chuveiro ou lâmpadas de um grande lustre no alto do teto, não hesite em chamar esse profissional para garantir que a tarefa será executada com eficácia e total segurança.
  • Revitalizações em edificações antigas: em São Luís, que é uma cidade com mais de 400 anos, há diversas edificações do Período Colonial e Imperial que constantemente necessitam de reparos ou de revitalização. Então, seja você o proprietário ou inquilino de um imóvel desses, sempre que precisar de reparos ou for fazer uma revitalização, contrate eletricistas em São Luís que sejam especializados nesse tipo de serviço. As instalações antigas oferecem ainda mais risco para quem não é um profissional, por isso nunca tente resolver por conta própria.

Quanto vou pagar pelo serviço de eletricistas em São Luís?

Serviços que dependem de avaliação prévia não costumam ter preço fixo. Afinal, o profissional vai precisar visitar o local e identificar a complexidade do serviço para fazer um orçamento. Quando a necessidade é por serviços pontuais, como instalações e reparos isolados, geralmente se contrata um eletricista autônomo. Para esse tipo de trabalho a cobrança costuma ser por hora trabalhada ou por diária. Dessa forma, se o serviço acabar sendo muito mais complexo do que o esperado, o cliente já sabe que estará pagando por hora ou por determinada quantidade de horas inclusas na diária.

Esse tipo de imprevisto é comum de acontecer quando o cliente desconhece a situação das instalações elétricas da casa, solicita algum tipo de reparo que deveria ser simples, e só depois de iniciar o trabalho o eletricista percebe que a situação do cabeamento vai dar-lhe muito mais trabalho do que imaginava.

Já se for o caso de contratar o eletricista para executar um projeto novo, também existe o tipo de cobrança por metro quadrado, pois nesses casos há menos chance de imprevistos, já que o projeto vai começar do zero.

Em qualquer tipo de cobrança é o próprio profissional que vai definir o valor da sua hora trabalhada, podendo adicionar custos de deslocamento, refeição e outros encargos. Muitos eletricistas utilizam como base uma tabela desenvolvida pelo Instituto de Desenvolvimento do Trabalho, mas essa tabela traz sugestões de cobranças a nível nacional, ou seja, com preços muito genéricos, e por isso cada profissional irá cobrar conforme os custos que vai ter na sua cidade.

Dicas do que saber antes de contratar eletricistas em São Luís

A primeira dica para acertar na contratação de eletricistas em São Luís é pesquisar. Você já começou muito bem, vindo até a homify para encontrar profissionais qualificados, pois aqui é possível visitar os perfis, conhecer o que cada um oferece e solicitar orçamentos. Assim fica muito mais fácil fazer uma seleção antes de fechar negócio.

Outra dica é que não se restrinja a um só orçamento. Já que tem a oportunidade de pesquisar por vários profissionais com praticidade e rapidez, aproveite e peça, no mínimo, três orçamentos para fazer comparações e poder negociar.

Na hora de avaliar os orçamentos, não veja apenas o preço final. Considere a experiência do profissional e se há boas recomendações por serviços já prestados. Como você deve saber, preço não é sinônimo de qualidade.

Também é bom lembrar que, quanto mais perto do local do serviço o profissional estiver, menos custo ele vai ter com deslocamento. Logo, o seu orçamento será mais baixo por causa disso. Então, se for possível, prefira contratar eletricistas em São Luís que estejam nas redondezas da sua casa ou do local para onde necessita que o profissional vá.

Se você for construir ou fazer uma grande reforma, lembre-se que precisa ter um projeto em mãos, pois o eletricista vai precisar desse documento para executar o serviço. Ou seja, comece o processo pela contratação de um arquiteto ou engenheiro, para só depois começar a pensar na mão de obra, que inclui o eletricista, carpinteiro, pedreiro, encanador, pintor e demais executores.

Por fim, não abra mão de um contrato de serviço, ainda que seja simples e para um profissional autônomo. Esse documento é benéfico tanto para você quanto para o eletricista, já que nele estarão dispostas todas as condições do serviço para evitar problemas comuns de ambos os lados, como desistência da contratação com o serviço em andamento, abandono da obra ou alterações de preços não previstas.