Eletricistas - Porto Alegre: Encontre os melhores profissionais | homify

3 Eletricistas em Porto Alegre

Cidade

Eletricistas em Porto Alegre

Porto Alegre, capital do estado de Rio Grande do Sul, é a quinta cidade mais populosa do Brasil e a mais populosa do Sul do país, segundo dados do IBGE. Também é conhecida por ser uma das cidades mais arborizadas do país e, uma de suas ruas, a Gonçalo de Carvalho, ficou conhecida como a Rua Mais Bonita do Mundo.

Assim como a maioria das capitais brasileiras mais populosas, a voltagem de Porto Alegre é de 100V. A energia elétrica da região é fornecida pela Companhia Estadual de Distribuição de Energia Elétrica (CEEE), do Grupo CEEE, concessionária de serviços de distribuição de energia elétrica na região sul e sudeste do Rio Grande do Sul.

Agora que você já conhece um pouco mais sobre de onde vem a energia de Porto Alegre, conheça um pouco mais sobre o trabalho dos eletricistas da cidade. Entenda a seguir o que faz um eletricista e quais as vantagens de contratar um, o que é um projeto elétrico, como é cobrado o serviço do profissional e quais cuidados devem ser tomados quando houver um serviço de elétrica em sua casa.

O que faz um eletricista?

O eletricista faz instalações elétricas, desde a troca de uma luminária ou lâmpada queimada até a instalação elétrica completa de uma grande metalúrgica. Existem basicamente três áreas de atuação principais: 

  • Industrial: fábricas ou grande indústrias. Habitualmente são instalações de alta tensão e são as mais complexas;
  • Predial: lugares com mais de uma unidade de consumo, como prédios residenciais, centros comerciais e shopping centers;
  • Residencial: instalações elétricas de casas e apartamentos, onde a maioria dos profissionais eletricistas atua.

Além da instalação elétrica inicial, o eletricista também faz manutenção e reparos em instalações existentes. O profissional, obviamente, deve ter conhecimento sobre instalações elétricas, mas não é obrigatório que possuam curso técnico ou formação específica para exercer a profissão. Além disso, o eletricista deve saber ler projetos elétricos e quantificar os materiais necessários para a montagem e execução do sistema elétrico.

Quais as vantagens de contratar um eletricista?

A instalação elétrica é uma parte extremamente importante da obra de uma casa, é nessa fase que à frase o barato pode sair caro se encaixa. Assim como a instalação hidráulica, a instalação elétrica fica escondida dentro das paredes e, por isso, muitas vezes não é considerada importante. Entretanto, uma instalação elétrica bem feita pode garantir economia na conta de energia a longo prazo, minimizar a chance de incêndios e garantir a segurança dos moradores.

O que é um projeto elétrico?

O projeto elétrico determina onde ficarão todos os pontos de tomada, interruptores e iluminação. O projeto completo é formado um esquema elétrico geral de distribuição, uma planta baixa elétrica, um memorial de cálculo baseado nos equipamentos que serão utilizados no local e um memorial descritivo com todos os materiais necessários para a instalação.

A prefeitura de projetos de Porto Alegre não exige projeto elétrico de residências para o processo de aprovação. De qualquer maneira, o investimento em um projeto vai garantir que você possa ligar todos os equipamentos que quiser, que vai ter tomada onde precisar e que não vai desperdiçar material na hora da instalação.

Eletricista pode fazer projeto elétrico?

Não, o eletricista pode apenas executar o projeto elétrico. Os profissionais que podem legalmente fazer um projeto elétrico são: engenheiros civis, arquitetos, técnicos em eletrotécnica e engenheiros eletricistas. Desses quatro, apenas os engenheiros eletricistas podem fazer projetos residenciais, prediais e industriais acima de 800kVA.

Como encontrar eletricistas em Porto Alegre?

Você pode perguntar para amigos e familiares se possuem alguma indicação ou fazer uma pesquisa online. A homify possui vários profissionais cadastrados por categoria, então além de eletricistas, você conseguirá pesquisar por arquitetos, designers de interiores, paisagistas, carpinteiros e muitos outros profissionais especificamente em Porto Alegre.

Dica: se você mora em apartamento e quer fazer alguma manutenção ou reparo elétrico, peça indicação para os seus vizinhos de profissionais que já tenham trabalhado no prédio. Se um eletricista trabalhou em um apartamento igual ao seu, ele vai poupar tempo porque já sabe como foi feita a instalação elétrica pela construtora.

Como é pago o serviço de eletricista em Porto Alegre?

Os profissionais podem cobrar de duas maneiras: por hora ou por serviço completo fechado. A cobrança por hora geralmente é a mais comum em reformas porque o profissional pode encontrar muitas surpresas quando começar a mexer nas instalações, principalmente se for um espaço antigo. 

Já a cobrança por serviço é a mais usual em uma instalação que começa do zero e se tem um projeto, porque dessa maneira o profissional sabe qual será efetivamente o seu trabalho e consegue estipular um tempo e um valor para isso.

Cuidados na hora da instalação elétrica

Assim como exigimos um bom serviço de profissionais como pintores e marmorarias, é preciso que o serviço de instalação elétrica seja feito com qualidade e segurança. Abaixo seguem alguns pontos importantes para você conversar com o eletricista contratado:

  • Antes de começar qualquer coisa, garanta que o projeto elétrico residencial esteja à vista na obra e que o eletricista tenha feito a leitura completa do mesmo. Isso garante que não haverá retrabalho durante a instalação, fazendo com o profissional termine mais rápido. Se achar necessário, peça duas cópias do projeto para a obra: uma para que o eletricista possa carregar com ele pelos ambientes e outra para deixar colada em uma parede da obra;
  • Exija sempre a utilização de equipamentos de segurança: sapato de borracha é essencial para diminuir os danos em possíveis choques. Capacete também é obrigatórios quando a obra estiver no estágio inicial;
  • O quadro elétrico deve ficar instalado em um local de fácil acesso para o eletricista que faz a instalação e para quem for fazer alguma manutenção no futuro. Além disso, é obrigatório que ele esteja à vista do profissional da CEEE para a leitura mensal do consumo;
  • Invista em materiais elétricos de qualidade para garantir a segurança do sistema.
  • Exija sempre que as manutenções sejam feitas com os disjuntores desligados para segurança do próprio eletricista.