Eletricistas - Duque De Caxias: Encontre os melhores profissionais | homify

1 Eletricistas em Duque de Caxias

Cidade

Eletricistas em Duque de Caxias

Localizado na Baixada Fluminense, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro, o município de Duque de Caxias emancipou-se da cidade de Nova Iguaçu em 1943 e hoje conta com uma população de 914.383 habitantes (IBGE 2018), o que o torna o mais populoso da Baixada. Os dados populacionais demonstram que a sua população é formada por mais mulheres (52,02%) do que homens (47,98%), sendo que quase 54% da população é composta por negros, seguidos por brancos (24,1%) e pardos ou mestiços (22,3%). Também merece destaque que 30% da população é formada por nordestinos.

Embora a vida cultural e artística de Duque de Caxias seja modesta, assim como seu patrimônio histórico e cultural, a cidade se destaca pela presença da Universidade Federal do Rio de Janeiro, com seu pólo avançado de Xerém, que oferece cursos de graduação e linhas de pesquisa avançada em nanotecnologia, biotecnologia e biofísica, em parceria com o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia. A vida econômica do município, por sua vez, se alicerça no comércio e na indústria, em especial nos segmentos químico, petroquímico, metalúrgico, plástico, gás, mobiliário, têxtil e vestuário.

Com clima geralmente quente, amenizado em parte em alguns distritos próximos à área verde da Serra dos Órgãos, Duque de Caxias pode ter no verão temperaturas que chegam aos 40 °C e no inverno temperaturas que podem descer aos 10 °C ou menos. Isso significa que a cidade precisa contar com um eficiente serviço de energia elétrica, o qual, por exemplo, no inverno garanta o banho quentinho e os aquecedores e. no verão, a conservação de alimentos em geladeiras e freezers, assim como o funcionamento de ventiladores e aparelhos de ar-condicionado, entre outros confortos e necessidades.

O fornecimento de energia elétrica para Duque de Caxias é realizada por duas empresas do setor. A Light, empresa privada de geração e distribuição de energia elétrica, está presente em 31 municípios do Estado do Rio de Janeiro, entre eles Duque de Caxias, atendendo mais de 10 milhões de pessoas em toda a região. A outra empresa, também privada, é a Enel Brasil, com quatro distribuidoras (Rio de Janeiro, Ceará, Goiás e São Paulo) que levam energia a aproximadamente 17 milhões de usuários residenciais, comerciais, industriais, rurais e institucionais. A Enel Distribuição Rio, por sua vez, atende 3,1 milhões de clientes residenciais, comerciais, industriais e institucionais no estado, o que equivale a 7,8 milhões de pessoas em 66 municípios fluminenses.

Mesmo que a distribuição de energia elétrica dessas empresas funcione perfeitamente bem, um imóvel pode ficar sem luz por causa de problemas internos na rede e na fiação elétrica. Pode acontecer desde a simples queima da resistência do chuveiro elétrico até a pane geral ou o risco de incêndio por causa de fiação elétrica desgastada ou danificada.  Nesses casos e em muitos outros, chamar o profissional certo é garantia de solução eficiente e tranqüilidade. Esse profissional é o eletricista, que pode tanto realizar consertos e reformas na rede elétrica do imóvel, como pode também instalar tomadas e interruptores ou ainda fazer a execução de um projeto de eletricidade e iluminação desenvolvido por um especialista em iluminação, design de interiores e arquitetura.

 

O que faz o eletricista

Profissional técnico que executa instalações elétricas novas ou reforma, repara ou faz a manutenção de instalações elétricas já existentes, o eletricista atua principalmente como autônomo no mercado residencial, mas também pode em prédios residenciais, centros comerciais ou indústrias, onde as instalações elétricas são mais complexas.

Toda a formação técnica de um eletricista, assim como a sua prática profissional, o capacita a interpretar problemas e a encontrar soluções para eles. Ele também precisa saber interpretar projetos elétricos realizados por outros profissionais e calcular os custos de reparos, reformas ou execuções de instalações elétricas.

Embora a maior parte dos profissionais atue como autônoma, um eletricista também pode trabalhar em equipes de empresas da construção civil, tanto como auxiliar quando novato ou, quando experiente, como supervisor de instalações elétricas em obras novas ou reformas.

 

Formação do eletricista

Embora o eletricista possa ser um profissional autodidata sem formação técnica ou superior na área, é cada vez mais comum que ele tenha não apenas o certificado de nível médio, mas também certificados de cursos técnicos em eletrônica básica ou eletricidade. Tais cursos o ensinam, entre outras coisas, a ler e entender projetos elétricos, quantificar materiais para execução de projetos e, por ser uma atividade de risco, a seguir todas as normas de segurança na área elétrica, incluindo a capacidade de prestar primeiros socorros em caso de acidentes.

O cliente deve dar preferência a eletricistas mais qualificados e que estão sempre se atualizando, os quais, embora possam oferecer serviços mais caros, são mais recomendados por saberem trabalhar com a eletricidade de forma a garantir a segurança das pessoas e da propriedade.

.

O que é projeto elétrico

Em um projeto elétrico, os pontos de iluminação, interruptores e tomadas da casa são previamente determinados de maneira a ofertar energia nos locais certos com a maior economia possível de materiais. Um engenheiro civil ou arquiteto podem fazer esse projeto, mas nunca o eletricista, a quem cabe apenas a execução dele. Os projetos elétricos mais complexos, por sua vez, são da alçada dos engenheiros elétricos, que devem ser consultados.

 

Quanto custa o trabalho do eletricista em Duque de Caxias

Em Duque de Caxias, um caminho para se encontrar um bom eletricista é pedir recomendações de familiares, amigos e conhecidos. A seguir, o recomendável é pedir orçamentos a pelo menos três profissionais. Lembre-se que não existem tabelas com valores fixos, o que, portanto, permite ao eletricista autônomo determinar um preço por hora ou dia trabalhado, diferentemente do profissional que atua na construção civil e que cobra por projeto fechado.

É preciso lembrar que a complexidade dos serviços é determinante na elaboração dos custos. Um profissional autônomo é suficiente para pequenos reparos domésticos, mas a construção ou reforma de um imóvel exige uma equipe geralmente contratada por uma empresa. Também convém ressaltar que os serviços e materiais de boa qualidade são essenciais para garantir a segurança do imóvel e dos seus moradores.

 

Como encontrar um eletricista em Duque de Caxias

Quando os problemas elétricos que surgirem forem simples e/ou pontuais (ou se você precisa de uma opinião inicial sobre a potencial gravidade de um problema), o eletricista autônomo pode perfeitamente dar conta. O melhor meio para encontrá-los nesse caso é pedir recomendações ao síndico do seu prédio, caso more em um, ou em lojas de materiais de construção locais. Por outro lado, se o que se busca é alguém que crie e execute um projeto elétrico de um imóvel em construção ou reforma, procure empreiteiras locais na internet. Também é possível começar aqui nesta página do diretório da homify.