10 plantas de decoração de interiores que uso no meu minúsculo apartamento | homify

10 plantas de decoração de interiores que uso no meu minúsculo apartamento

Pri Fortinho – homify Pri Fortinho – homify
Apto. João, RSRG Arquitetos RSRG Arquitetos Salas de estar minimalistas
Loading admin actions …

Morar em um apartamento pequeno não significa abrir mão da beleza e da vida que as plantas podem trazer para o ambiente. Transformar um espaço limitado em um oásis verde é totalmente possível com a escolha certa de plantas de decoração de interiores.

No meu minúsculo apartamento, encontrei maneiras criativas de incorporar plantas que não apenas melhoram a qualidade do ar, mas também adicionam um toque de frescor e estilo ao meu lar.

Neste artigo, compartilho com vocês 10 plantas que escolhi para decorar meu espaço e transformá-lo em um refúgio verde.

Veja também: Arquitetos paisagistas perto de você

1. Suculentas

Mini-Jardins , Luiza Soares - Paisagismo Luiza Soares - Paisagismo Jardins minimalistas Potes vasos

As suculentas são ideais para espaços pequenos, pois muitas são pequenas, fáceis de cuidar e vêm em uma variedade de formas e cores, adicionando um toque de exotismo à decoração.

As plantas suculentas são conhecidas por sua capacidade de armazenar água em suas folhas, caules ou raízes, o que as torna adaptações perfeitas para ambientes áridos. Para cuidar dessas plantas incríveis, elas precisam de muita luz solar direta ou luz brilhante indireta para prosperar.

Coloque suas suculentas perto de janelas ensolaradas para garantir que recebam luz suficiente. Além disso, é importante usar um solo bem drenado para evitar o acúmulo de água e o apodrecimento das raízes.

Regue as suculentas de forma moderada, permitindo que o solo seque completamente entre as regas. Evite encharcar o solo, pois isso também pode levar ao apodrecimento das raízes.

Durante o inverno ou em períodos de dormência, reduza a quantidade de água fornecida às suas suculentas, pois elas precisam de menos água durante esses períodos.

Por fim, lembre-se de que cada espécie de suculenta pode ter requisitos específicos, então familiarize-se com as necessidades da sua planta em particular para garantir que ela prospere.

2. Cactos

Sala de estudo, Juliana Teixeira Arquitetura Juliana Teixeira Arquitetura Escritórios modernos

Os cactos são um tipo de suculentas. Sua principal característica é que são plantas resistentes que podem sobreviver com pouca água. Eles vêm em diferentes tamanhos e formas, tornando-os perfeitos para qualquer espaço, independentemente do tamanho.

Cuidar de cactos requer atenção e conhecimento específico para garantir que essas suculentas prosperem em ambientes domésticos. Primeiramente, é fundamental proporcionar a quantidade adequada de luz solar.

Os cactos são originários de regiões áridas e necessitam de luz solar direta e intensa para crescer saudáveis. Portanto, posicione seus cactos em locais ensolarados, como janelas voltadas para o sul ou oeste.

Além disso, é crucial regá-los com moderação. Essas plantas armazenam água em suas folhas e caules, permitindo que resistam a períodos de seca. Portanto, evite excessos na rega para evitar o apodrecimento das raízes. 

3. Samambaias

Varanda Rafaela Dal’Maso Arquitetura Varandas, alpendres e terraços tropicais Plantar,Sofá,Azul,Verde,Planta de casa,Madeira,Têxtil,Decoração,Conforto,Vaso de flores

As samambaias são plantas clássicas de decoração de interiores, daquelas que sempre víamos na casa das avós. Penduradas em vasos suspensos, elas adicionam uma sensação de serenidade ao ambiente e são relativamente fáceis de cuidar.

Essas plantas exuberantes e delicadas podem prosperar tanto em ambientes internos quanto externos, como na varanda do meu apartamento.

Para garantir o seu crescimento saudável, é essencial fornecer cuidados adequados, como sombra parcial ou luz indireta. Evite expô-las diretamente ao sol forte, pois isso pode queimar suas folhas sensíveis.

Manter o solo levemente úmido é crucial. Regue-as regularmente, mas evite encharcamento, pois o excesso de água pode levar ao apodrecimento das raízes. Uma dica bem importante é pulverizar as folhas com água para criar um ambiente úmido, sem deixar água acumular nos pontos de crescimento central na planta. 

4. Jiboia

Apto. João RSRG Arquitetos Salas de estar minimalistas Mobília,Sofá,Mesa,Propriedade,Plantar,Porta-retratos,Verde,Conforto,Planta de casa,sofá de estúdio

A jiboia é uma planta versátil que pode ser cultivada tanto em vasos quanto em suportes verticais. Ela é resistente e adiciona um toque de elegância com suas folhas variegadas.

Essa planta de interior é popular devido à sua resistência e beleza, além do crescimento rápido. Para garantir que sua jiboia cresça saudável e exuberante, é importante escolher um local bem iluminado, mas evite a luz solar direta intensa, pois pode queimar as folhas.

A rega deve ser moderada, permitindo que o solo seque entre as irrigações para evitar o apodrecimento das raízes. Ocasionalmente você pode borrifar água sobre as folhas ou colocar a planta sobre um prato com água para aumentar a umidade ao redor dela. 

5. Zamioculcas zamiifolia

Identidade é o que não falta, para esse apartamento em Moema. Tikkanen arquitetura Apartamento Plantar, Propriedade, Mobília, Azure, planta de casa, Conforto, Design de interiores, Prédio, Retângulo, Vaso de flores

Conhecida como ZZ plant, esta planta é incrivelmente resistente e pode prosperar mesmo em condições de pouca luz, caso no seu pequeno apartamento a luminosidade natural não seja abundante. Suas folhas brilhantes adicionam um toque moderno e sofisticado ao ambiente.

A Zamioculca é uma planta de interior popular também por causa da sua fácil manutenção. Ela gosta de um ambiente com luz indireta brilhante, mas ela também pode tolerar condições de luz mais baixa.

Regar moderadamente é fundamental, evitando o excesso de água que pode levar ao apodrecimento das raízes. Deixe o solo secar completamente entre as regas para evitar o encharcamento.

Aproveite e veja: Antes e Depois: A Transformação Deslumbrante de 5 Mini Apartamentos

6. Ficus lyrata

MACETA DE FIBRA DE VIDRIO CON PLANTA DE INTERIOR, Vivero Garden Service Vivero Garden Service Salas de estar modernas Acessórios e Decoração

A figueira-lira é uma árvore pequena com folhas grandes e vistosas. Ela é perfeita para espaços pequenos, pois pode ser podada para manter um tamanho gerenciável, além de adicionar um toque tropical à decoração.

A Ficus lyrata é uma planta de interior muito apreciada por suas grandes folhas verdes e elegantes, que adicionam um toque de sofisticação a qualquer ambiente. Esta planta prefere luz indireta brilhante, evitando a exposição direta ao sol forte, que pode queimar suas folhas.

O solo deve ser bem drenado para evitar o acúmulo de água nas raízes. Regue a planta de forma consistente, mas permitindo que o solo seque entre as regas.

8. Bambu da sorte

Lucky Bamboo just needs water in which to grow. The stems are arranged in various shapes and forms, making an architectural delight! Perfect Plants Ltd Jardim interior Fibra natural Bege Paisagismo de interior

O bambu da sorte (Dracaena sanderiana) é uma planta popular na cultura asiática e é considerado um símbolo de boa sorte. Além de trazer prosperidade simbólica, sua folhagem verde vívida cria uma atmosfera calmante no ambiente.

Para garantir que sua planta de bambu da sorte cresça saudável e bonita, é importante escolher um vaso transparente ou opaco com água limpa, e manter as raízes da planta submersas, trocando a água a cada duas semanas para evitar o acúmulo de algas.

Certifique-se de que a planta receba luz indireta do sol, pois a luz solar direta pode queimar as folhas. Também evite expor a planta a correntes de ar ou temperaturas extremas. 

7. Lírio-da-paz

Der Einblatt – Zimmerpflanze des Monats Juni, Pflanzenfreude.de Pflanzenfreude.de Jardim interior Paisagismo de interior

O lírio-da-paz é uma planta fácil de cuidar que produz elegantes flores brancas. Além de sua beleza, também é eficaz na remoção de toxinas do ar, tornando-o uma escolha saudável para o interior.

Para garantir que seu lírio-da-paz floresça e se mantenha saudável, é importante colocá-lo em um local com luz indireta, pois a luz solar direta pode danificar suas folhas. Regue a planta regularmente, mas evite encharcar o solo; deixe a camada superior do solo secar um pouco entre as regas. 

9. Espada-de-são-jorge

Sala de Estar integrada Moderna Contemporânea Decoradoria Salas de estar modernas Vidro Sala de estar,Sala integrada,Loft,Almofadas,Piso azul,Tapete geometrico,parede azul,quadros de piso,luminaria,luminaria de piso,mesa central,mesa de vidro

A espada-de-são-jorge é uma planta resistente que pode sobreviver em condições de baixa luminosidade e requer pouca manutenção. Suas folhas longas e afiadas adicionam um toque escultural à decoração.

Ela é uma planta popular de interior devido à sua capacidade de prosperar em condições de baixa luminosidade e necessidade mínima de cuidados. Ela gosta de luz indireta moderada, já que pode tolerar sombras, mas também pode se beneficiar de alguma luz solar indireta.

É importante não regar em excesso, pois as raízes da planta podem apodrecer com facilidade. Deixe a terra secar completamente entre as regas e, ao regar, evite molhar as folhas para evitar o acúmulo de umidade.

10. Orquídeas

Spa Feeling, K&L Wall Art K&L Wall Art Paredes e pisos asiáticos Pinturas e molduras

As orquídeas são plantas elegantes e delicadas que podem adicionar uma sensação de luxo ao seu espaço. Elas vêm em várias cores e formas, permitindo que você escolha aquelas que melhor se adequam à sua decoração.

As orquídeas de interior são plantas exóticas e delicadas que exigem cuidados específicos para florescerem e prosperarem em ambientes domésticos. Essas plantas geralmente preferem luz indireta e filtrada, evitando a exposição direta ao sol, especialmente durante as horas mais quentes do dia.

A temperatura ideal para a maioria das orquídeas de interior varia entre 18 °C a 24 °C durante o dia e não deve cair abaixo de 13 °C durante a noite. Quanto à rega, é importante evitar encharcar o substrato, permitindo que as raízes respirem.

Ao escolher estas plantas de decoração de interiores para o meu pequeno apartamento, pude criar um ambiente acolhedor e rejuvenescedor. Além de sua beleza estética, elas melhoraram a qualidade do ar e meu bem-estar geral.

Se você também está buscando transformar seu espaço em um oásis verde, considere incorporar algumas dessas plantas em sua decoração de interiores. Mesmo em um apartamento pequeno, é possível criar um ambiente cheio de vida e frescor, tornando-o verdadeiramente especial.

Você já tem alguma dessas plantas no seu apartamento?

Precisa de ajuda para projetar a sua casa?
Entre em contato!

Destaques da nossa revista