10 erros de decoração que você está cometendo e que destroem sua casa | homify

10 erros de decoração que você está cometendo e que destroem sua casa

Pri Fortinho – homify Pri Fortinho – homify
Moradia PF1, Traçado Regulador. Lda Traçado Regulador. Lda Cozinhas modernas Madeira Efeito de madeira
Loading admin actions …

Mesmo que você não seja uma pessoa muito preocupada com a decoração da sua casa, ainda assim existem certos cuidados que são uma questão de bom senso e bem-estar. Por isso, hoje, vamos ajudá-lo a identificar e evitar 10 erros de decoração que destoem o conforto físico e visual no lar.

Mas, não se preocupe porque nada do que está listado abaixo é complicado de melhorar, e nem exige um alto investimento. Basta que você tenha um olhar mais cuidadoso sobre os ambientes, observando se está cometendo esses erros e listar os que pode melhorar primeiro.

A ideia é permitir que o seu lar se torne um ambiente mais confortável, agradável e funcional para contribuir com o seu bem-estar no dia a dia e para despertar o orgulho de morar onde a sua personalidade está em cada detalhe.

As imagens que você verá no decorrer do artigo são de ambientes para usar como inspiração da forma correta de fazer, compartilhadas de projetos criados pelos profissionais cadastrados aqui na homify.

Se precisar de ajuda, encontre aqui os melhores arquitetos de interiores perto de você.

1. Manter estofados rasgados e objetos quebrados

Melhor do que comprar móveis e itens decorativos novos é cuidar muito bem daquilo que já tem. Principalmente se forem peças antigas, herdadas de família, e você gosta de compor a sua decoração com elas, precisam estar em bom estado, e isso pode envolver um restauro.

Além do mais, estofados rasgados são muito desconfortáveis, transmitindo a sensação de sujeira e bagunça. Se não puder consertar de imediato, pode colocar uma capa novinha e bonita por cima. 

2. Usar móveis ou objetos desproporcionais ao tamanho dos ambientes

Antes de comprar um sofá, uma mesa de jantar ou uma cama, tire as medidas do cômodo e do móvel para saber se vai caber com folga. Simplesmente, não tem como criar um espaço bonito, organizado e bem decorado se os móveis são desproporcionais às medidas do cômodo.

3. Misturar estilos que não harmonizam entre si

Existe um estilo de decoração chamado “eclético” que tem, justamente, a finalidade de mesclar diferentes estilos em um só ambiente. Mas, não é por isso que vale colocar qualquer coisa na sua decoração e chamar de eclético.

O ideal é você pensar primeiro nos itens que pretende usar para compor o ambiente, colocá-los próximos uns dos outros e ver se harmonizam entre si, sem deixar o visual do espaço poluído. Tem que fazer sentido para você.

4. Escolher cores que conflitam no mesmo ambiente

A mesma coisa vale para as escolhas de cores. É perfeitamente possível criar um lindo ambiente colorido, mesclando suas cores preferidas, desde que tome cuidado com o equilíbrio entre elas, tanto nas quantidades quanto variedades.

5. Exagerar na quantidade de elementos

Assim como existe o estilo de decoração eclético, existe o maximalista, que é composto por elementos mais chamativos, peças grandes e em maior quantidade. Porém, assim como tudo na decoração, é preciso equilibrar para evitar o desconforto visual e a falta de funcionalidade. Se pretende colocar um espelho bem grande na parede da sala, procure colocar objetos menores por perto, por exemplo. 

6. Não pensar no efeito da iluminação

Basicamente, todo o cuidado que você teve para criar uma decoração bonita e agradável, não vai servir de muita coisa se não tiver pensado no projeto de iluminação. A luz em um ambiente conta muito, tanto a luz natural do dia quanto as luzes baixas que criam climas mais agradáveis durante a noite e valorizar determinados pontos do ambiente.

7. Exagerar na quantidade de plantas

Encher a casa de plantas está em alta, mas, não é legal exagerar, já que você pode acabar criando um ambiente muito úmido, abafado e com excesso de insetos. Além do mais, plantas são seres vivos e precisam de cuidados. Não basta colocá-las por tudo e não ter tempo de regar, adubar e observar quando precisam de atenção.

8. Deixar espaços para circulação muito estreitos

Esse erro está atrelado ao que falamos no início sobre a proporção adequada de tamanho dos móveis para caberem no ambiente. Deixar apenas um corredor estreito entre um sofá e uma mesinha de centro, por exemplo, é pedir para se machucar e perder a liberdade de andar dentro de casa. Deixe espaços o suficiente para não precisar virar de lado quando tiver que passar entre os móveis.

9. Usar tamanhos inadequados de cortinas

Cortinas podem ser bem longas até o chão ou apenas do tamanho da janela. Tudo vai depender da finalidade do ambiente e do estilo decorativo. Mas, um erro bastante comum que deixa o visual do ambiente desorganizado é colocar uma cortina longa em uma janela e um móvel na frente dela. Se tiver que deixar uma mesa ou sofá embaixo de uma janela, use uma cortina que fique na linha acima do móvel e logo abaixo da janela. 

10. Dispor os móveis de qualquer jeito

Se você não está encontrando o lugar ideal para um determinado móvel no seu ambiente, talvez ele não deva estar lá. Infelizmente, nem tudo funciona quando você está dispondo os móveis em um cômodo, e é melhor tirar do que deixá-lo em qualquer lugar, prejudicando o visual e o espaço de passagem.  

Você está cometendo algum desses erros na sua casa? Qual vai melhorar primeiro?

Precisa de ajuda para projetar a sua casa?
Entre em contato!

Destaques da nossa revista