Casas ecológicas: sustentabilidade e energia verde

Ricardo Oswald Ricardo Oswald
Loading admin actions …

Os termos eco, verde e sustentável estão sendo tão utilizados, que talvez estejam perdendo o seu real significado. Muitas empresas anunciam que seus métodos de construção possuem baixo impacto ambiental, mas como saber a diferença entre aqueles que realmente aplicam métodos sustentáveis e aqueles que apenas utilizam as nomenclaturas em função da tendência?

A expressão casa verde, em inglês green house, foi criada na década de 70, quando o preço do petróleo subiu abruptamente e os custos do transporte de materiais subiram excessivamente, fazendo com que se tornassem inacessíveis à maioria das pessoas. Devido ao fato, os interessados em construir casas começaram a pesquisar fornecedores de materiais que estivessem mais próximos de suas casas. Essa proximidade gera automaticamente uma atitude sustentável e ajuda a incentivar a produção local. 

São muitos os fatores que ajudam na criação de um ambiente sustentável: ventilação natural, sem uso de ar condicionado, painéis solares, boa orientação solar para captacão de luz natural, sistema hidráulico que separe os diferentes tipos de utilização de água, entre outros. Esses recursos podem parecer um tanto distantes de você, mas a sua popularização aumenta com o passar dos dias. Nesse livro de idéias, você irá conferir alguns exemplos de casas sustentáveis para inspirar você a construir a sua.

Madeira

Terraços  por Designcubed
Designcubed

Courtyard House – East Dulwich

Designcubed

Designcubed é uma empresa especializada em arquitetura contemporânea sustentável. No exemplo da foto, todo o exterior da casa foi revestido com madeira. Utilizando vários materiais reciclados no interior, os proprietários conseguiram manter pequenos os custos de construção e baixa emissão de carbono. Além disso, sua conta bancária agradece com a instalação de painéis solares, que foram engenhosamente acoplados ao telhado, garantindo que não fiquem visíveis e invadam a paisagem urbana. O maior desafio enfrentado foi o de descobrir uma maneira de permitir que a luz invada a maior parte da moradia, por isso ela foi projetada com um grande pátio, que dá acesso aos principais cômodos, gerando um ganho solar e grande ventilação. 

Reforma

Casas modernas por AR Design Studio
AR Design Studio

AR Design Studio- The Boat House

AR Design Studio

Reformar uma casa já existente é sempre a forma mais sustentável de renovar a morada, ao contrário de construir algo a partir do zero. Utilizar os materiais disponíveis no local, e reutilizar as peças antigas para criar novas, gera um impacto muito menor sobre o planeta. A foto mostra uma casa do século 18 reformada. A utilização de materiais de origem local sobre a construção original incentiva a comunidade onde se encontra. O ângulo, tamanho e cor do telhado permitem ampla absorção solar durante o dia, garantindo que a casa fique mais quente no inverno e mais fresca durante o verão, já que as grandes portas de vidro deslizantes podem ser abertas com a intenção de captar a brisa da água.

Exemplo sustentável

Casas modernas por Forrester Architects
Forrester Architects

Pond House_Passive House (Passivhaus)

Forrester Architects

Esta casa ultrapassa os conceitos de sustentabilidade. Ela não requer sistemas de aquecimento ou refrigeração convencionais, pois está completamente isolada e selada, além de estar voltada para o sul, o que é importante para os ganhos de calor vindos do sol. Há também um sistema de captação de água da chuva e painéis solares para aquecimento da água e geração de eletricidade.

Menor impacto

Localizada em uma floresta isolada, o objetivo da construção é o de não impactar na área verde ao redor. Mesmo que não seja possível visualizar na foto, esta casa tem provavelmente um dos mais incríveis exemplos de sistemas de ventilação existentes. Ambos os lados da casa se abrem, permitindo que todos os cômodos respirem ar puro. O concreto é também um ótimo isolante térmico, e faz a casa ficar fresca durante os meses de verão.

O belo lago também não passa despercebido e traz serenidade ao jardim, além de proteger a flora e a fauna da região.

Cobertura de terra

Casas  por LIJO.RENY.architects
LIJO.RENY.architects

The Green Roof Residence

LIJO.RENY.architects

Provavelmente, a terra é o melhor isolante térmico que existe. Esse recurso, quando bem utilizado, ajuda a diminuir as temperaturas urbanas, além de absorver o som e reter a água da chuva. Os edifícios que têm paredes ou telhados verdes são propensos a usar 25% menos energia do que construções tradicionais. Além disso, a vegetação exposta contribui para a biodiversidade de animais e plantas da área.  

O que você está fazendo na sua casa para diminuir o impacto ambiental gerado ao planeta?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda para projetar a sua casa? Entre em contato!

Encontre inspiração para sua casa!