Arrumando uma mesa japonesa perfeita.

Milena Pinheiro Milena Pinheiro
Loading admin actions …

A cultura oriental baseia-se numa série de rituais que buscam proporcionar uma experiência cultural que vai além dos sabores. Com o passar dos anos, a cultura japonesa se assimilou com a cultura ocidental e criou uma série de pratos quentes interessantes que vão além do tradicional arroz (gohan). Para estar num ambiente típico oriental, não é necessário despender muito ou recorrer à restaurantes asiáticos. Com a grande variedade de produtos alimentícios e utensílios disponíveis no mercado, já é possível criar uma atmosfera interessante dentro da sua própria casa.

Ao criar uma refeição especial com um toque nipônico, é preciso estar atento aos detalhes como as disposições dos utensílios, a organização da mesa e da ordem das refeições, pois cada objeto e item possui um significado. A disposição dos objetos é combinada com os cuidados especiais na hora de comer, como por exemplo tirar os sapatos na hora de sentar-se sobre o tatame ou utilizar o pano quente e úmidecido para limpar as mãos antes de comer.

Se o seu objetivo é reproduzir de ponta a ponta uma típica refeição japonesa, mostraremos aqui nesta matéria alguns elementos indispensáveis além de modos de dispô-los em sua mesa! Se você quer impressionar, vale a pena investir na cerâmica e nos elementos como hashis, bules de chá e aparadores! Vamos conferir?

Uma mesa japonesa: o que usar e como organizar?

Sala de jantar  por Tokyo Design Studio
Tokyo Design Studio

Tokyo Design Studio – Seigaiha

Tokyo Design Studio

Um jantar oriental preza pela delicadeza dos objetos, como cerâmicas com desenhos rebuscados e sutis, além disso, cada um destes objetos necessita de uma organização específica na hora da distribuição na mesa. Os pratos devem ser servidos separadamente em pequenas porções que podem ser repetidas inúmeras vezes. O shoyu deve ser servido apenas até a metade de uma pequena tigela. 

Coloque os hashis na frente de seu corpo

O hashi é um item essencial numa mesa japonesa, utilizado no lugar de facas e garfos, que segundo a tradição nipônica remetem às armas. Os palitos de plástico, madeira ou cerâmica devem ser colocados acima de um pequeno suporte que serve como apoio para quando você precisar pausar o utensílio durante a refeição. Este deve se manter na lateral a frente de quem come, com suas pontas apontadas para a esquerda para facilitar seu manuseio.

Arroz à esquerda e sopa à direita

A organização tipica de uma mesa japonesa, possui cinco potes e pratos que devem ser colocados antes do jantar. Olhando para a mesa, em uma das extremidades à esquerda, deve ser colocado o arroz e na extremidade direita deve ser colocado o recipiente com a sopa. Atrás destes, disponha três pratos planos que seguem com os acompanhamentos. 

Prato principal a direita

Sala de jantar  por LOMBOK
LOMBOK

Canton Dining Table

LOMBOK

A mais simples refeição japonesa é a sopa, o arroz e um acompanhamento, que normalmento consiste em legumes em conserva. Vegetais cortados são servidos ao final da refeição e não fazem parte dos três acompanhamentos. Na mesa oriental a separação dos pratos não é feita pelo ingrediente principal, mas pelo modo de preparo, pratos assados como carnes e peixes ficam do lado direito, enquanto pratos fermentados ficam do lado esquerdo.

Do menor ao maior

As tigelas de cerâmica japonesa são normalmente arredondadas e possuem padrões e formatos delicados, a artista Flavia Soares, muitas vezes se inspirou no design oriental para criar objetos utilitários, como no caso desta tigela azul cobalto. O shiru-wan, é uma tigela com tampa que deve ser utilizada para servir as sopas. Se você quiser servir um soba ou udon, aquele macarrão com caldo, pode utilizar uma tigela grande e mais funda. Para as carnes grelhadas, utilize um recipiente mais planos, no Japão comumente conhecido como Yakimono-zara. Comidas em conserva ou a base de vinagre são servidas em pequena tigelas chamadas de kobachi.

Segure a cumbuca enquanto come

As cumbucas japonesas são feitas de modo que possam caber numa palma da mão para facilitar seu manuseio. Para sopas, o modo correto de comer é levar a cumbuca com as duas mãos próxima de sua boca sem se curvar. Para arroz, massas e assados, vale o mesmo, leve a tigela até perto da boca, utilize o hashi para ajudar a empurrar a comida até a boca!

Se não tive apoio para o hashi, faça um origami e utilize-o como suporte

Arte  por Jacopo Drago
Jacopo Drago

Karakami Kit – woodblock printer from the Japanese crafts

Jacopo Drago

Origami é uma técnica japonesa de dobrar papéis sem cortes ou colagem, criando objetos geométricos ou figurativos. Para uma mesa com enfeites, você pode substituir o suporte dos palitos por suportes feitos com origamis. Existem uma enorme gama de papéis com texturas e cores diferentes que dão um toque mais romântico ao ambiente. Na sua sala de jantar, coloque almofadas confortáveis e velas para dar um toque especial ao ambiente e servir uma refeição japonesa inesquecível.

Pronto para colocar estas dicas sobre os costumes orientais em prática?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda para projetar a sua casa? Entre em contato!

Encontre inspiração para sua casa!