Um lar geométrico e elegante à beira-mar

Marina Mantovanini – Homify Marina Mantovanini – Homify
Loading admin actions …

A pacífica Ilha da Madeira é famosa pela sua paisagem de cortar a respiração e por seu baixo índice de criminalidade. Por isso, não é nenhuma surpresa que os jovens abastados estão se reunindo para construir casas naquela região. Hoje escolhemos o projeto de uma casa muito particular que desperta curiosidade sobre o seu interior por sua forma estritamente geométrica e misteriosa.

Trata-se de um projeto criado pelos arquitetos Carolina Sumares e Rik den Heijer, do Estúdio Dois. O casal rodou o mundo e já montou escritórios na Holanda, Brasil e agora Portugal. O interessante desse estilo de vida é que a mistura de culturas e ritmos que caracteriza a experiência e a vida dos dois especialistas também se reflete de forma impressionante em suas obras arquitetônicas 

Por isso, o proprietário deste imóvel particular contratou a dupla com o desafio de criar uma casa criativa com privacidade total e muitos espaços naturais ao ar livre. Combinar privacidade e espaços ao ar livre pode parecer um pouco difícil, mas como vamos descobrir hoje, o desafio foi vencido. Assim, sem mais delongas, venha com a gente fazer um passeio por esta moderna moradia com formato de uma caixa.

Espaço integrado

Ao olhar para a propriedade por uma perspectiva diferente, o visualizador mostra uma fachada aberta com muita madeira e vidro. Esta área recebe bastante luz natural, mesmo no interior dos quartos. Um toque interessante é a integração da  sala de estar com o exterior. Além disso, a propriedade dispõe de um fabuloso terraço com piscina no andar de cima. 

Privacidade em primeiro lugar

A casa está localizada em Ajuda, uma área distinta e incipiente da capital da Ilha da Madeira. Uma vez que o local está ainda em construção, a casa é uma das primeiras a ser construída – mas já está nos planos que a região em breve será cercada por outras residências. Por isso,  uma das principais preocupações dos moradores era conservar e manter a privacidade deles.

A ideia e a caixa

Os arquitetos levaram o slogan de privacidade como premissa e projetou uma caixa fechada no meio do campo, que começou a partir de um cubo branco com alguns nichos como na área de cima e da porta. Estes nichos, que parecem ter sido retirados do jogo tetris, são os terraços dos quartos. Eles foram revestidos de madeira para enfatizar a ideia e contrastar com a fachada branca e purista. 

A assimetria sutil da composição foi dada pela localização da porta de entrada

Área interna

A orientação estritamente geométrica também é encontrada dentro da casa: aqui prevalecem linhas limpas e cores neutras, criando um ambiente sóbrio e moderno, mas muito quente e acolhedor. A cor branca predominante contribui para a clareza e continuidade, onde todos os espaços são conectados, mas claramente diferenciados. 

As grandes janelas permitem incidência de luz natural, o que torna o ambiente ainda mais amigável e cria uma sensação de abertura.

Área comum

O piso térreo é completamente aberto e é atravessado por uma grande quantidade de luz. Neste piso encontramos todos os ambientes de convivência coletiva: sala de estar, jantar e cozinha. Todas as três áreas estão interrelacionadas, mas individualmente decoradas.

Jardim vertical

Esta pequena varanda é sempre ensolarada, graças à sua localização na fachada sul. Por isso, recebeu um belo tom de madeira de nogueira e ganhou um jardim de parede. Esta solução moderna e funcional é ideal para espaços limitados. 

Como fazer um jardim vertical. Veja 10 ideias!

Moradia única

Na parte de trás, um terraço oculto fornece luz natural e ventilação para o piso térreo. Há, no porão, ambientes adicionais, uma sala de jogos com mesa de bilhar e um escritório O espaço se conecta visualmente com o exterior e é grande o suficiente para não lhe fazer perceber que ele está no nível da calçada. A partir daí você pode ver como o volume desta moradia é tão único.

Banheiro naturalista

O banheiro de revestimento azul-verde tem um chuveiro com box de vidro e um teto de concreto. É um espaço relativamente simples, mas o espelho e as linhas fortes horizontais foram usadas para enfatizar a sensação simples e natural da casa. Esta é uma habitação que foi realmente construída para abraçar os prazeres simples da vida!

Qual parte da casa você achou mais surpreendente?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda para projetar a sua casa? Entre em contato!

Encontre inspiração para sua casa!