Uma casa para sentir orgulho

Tony Santos Arquitetura Tony Santos Arquitetura
Loading admin actions …

A nossa casa é como qualquer outro objeto material, que com o passar do tempo sofre depreciação, demando reparos periódicos e, principalmente, adaptações ás novas necessidades. Imagina uma casa construída na década de 1970, com os apelos estéticos daquele tempo e com a funcionalidade daquele tempo, que precisa atender às necessidades práticas de uma família de hoje. Obviamente, além da manutenção periódica, é preciso também atualizar o programa da residência de modo a atender com conforto e funcionalidade a esta família que com o passar dos anos passou a ter necessidades diferentes daquelas do passado.

Homify apresenta hoje um projeto de reforma sensacional. Localizada na cidade de Austin, no estado do Texas, Estados unidos, a Casa West Lake Hills é o resultado de uma completa repaginação de um casarão em estilo francês da década de 1970. A reforma foi conduzida pelo estúdio Specht Arquitetos, que buscou reaproveitar a estrutura da construção existente, mas dar um novo aspecto e uma nova dinâmica espacial à residência. O projeto de reforma e ampliação priorizou a preservação da vegetação circundante e principalmente a integração da paisagem aos espaços habitáveis.

Curioso para desvendar todos os encantos e todos os ângulos desta casa contemporânea que dialoga com a paisagem natural circundante? Então confira a seguir mais detalhes e mais imagens desta residência fascinante que trocou o estilo francês do passado pelo estilo contemporâneo, de modo a estabelecer uma relação mais intensa e harmoniosa com a natureza circundante.

A nova fachada

Casas modernas por Specht Architects
Specht Architects

West Lake Hills Residence

Specht Architects

Diante da vegetação exuberante e da belíssima paisagem natural circundante, a casa torna-se apenas um pano de fundo. O projeto de reforma e ampliação priorizou a preservação todas as árvores de carvalho de grande porte do local. Pois o projeto tinha por finalidade criar uma sensação de transparência que proporcionasse aos moradores a sensação de integração com a natureza e de fruição espacial. É como se o pavimento térreo tivesse ficado transparente, através do uso de generosos planos de vidro, e a casa tivesse se erguido do solo, de modo a liberar o espaço para a paisagem natural fluir com liberdade. A caixa suspensa, que abriga os espaços íntimos, apoia-se em uma série de muros, revestidos com pedras.

A antiga fachada

  por Specht Architects
Specht Architects

West Lake Hills Residence

Specht Architects

A casa anterior que havia no local foi construída na década de 1970 e foi inspirada nas vilas francesas, com destaque para o telhado de forma trapezoidal e para as paredes de tijolinhos pintados de branco. Como podemos ver, a construção estabelecia pouco contato com a paisagem. Algumas poucas janelas permitiam apenas vistas parciais da belíssima paisagem natural circundante. Obviamente, a leitura do local feita pelo estúdio Specht identificou o potencial do lugar e da paisagem deslumbrante, que foi portanto incorporada ao projeto. A natureza, antes um pouco negligenciada, tornou-se a protagonista do projeto. Além disto, o programa de necessidades também precisava ser aumentado.

Living room

Salas de estar modernas por Specht Architects
Specht Architects

West Lake Hills Residence

Specht Architects

Apesar de grande parte da estrutura interna original ter sido preservada, é difícil identificar os traços originais da antiga construção. Os espaços sociais, localizados no pavimento térreo ganharam uma dinâmica espacial totalmente diferente. Os espaços agora abrem-se completamente para a paisagem, permitindo que a paisagem desempenha o seu protagonismo na decoração. Uma das principais alterações, porém, foi a o rebaixamento do nível do pavimento térreo. Como o pé-direito da construção existente era baixo, optou-se pelo rebaixamento do piso. Isto resultou em uma altura maior e em espaços mais confortáveis e mais abertos para o exterior.

Vista privilegiada

Salas de estar modernas por Specht Architects
Specht Architects

West Lake Hills Residence

Specht Architects

Quando o living room se abriu inteiramente para o espaço exterior, criou-se uma nova relação com o exterior e uma nova espacialidade, na qual o exterior e o interior se fundem e a natureza se integra ao espaço habitável. No interior do living predominam as cores neutras e tom escuros, além de mobiliário de design contemporâneo, que garantem o conforto e dão um toque de sofisticação ao ambiente. Mas o destaque maior é a vista privilegiada dos carvalhos que circundam a propriedade.

Cozinha

Cozinhas modernas por Specht Architects
Specht Architects

West Lake Hills Residence

Specht Architects

A cozinha é caracterizada pela combinação bicolor, de branco e cinza. Como a luz natural é abundante, o cinza escuro predominante não causa nenhuma sensação negativa, senão reforçar o contraste com a cor branca. As superfícies cinzas contrastam com os armários de madeira com acabamento em laca branca, que dão um toque de elegância e requinte à cozinha, que conta ainda com uma bancada em forma de ilha, voltada para a paisagem externa, e uma bancada de apoio para as refeições informais. O piso de madeira realça a sensação de aconchego.

Biblioteca

Salas multimídia modernas por Specht Architects
Specht Architects

West Lake Hills Residence

Specht Architects

Obviamente, a transparência é dosada de modo a reservar aos moradores espaços íntimos e funcionais, como a biblioteca. O projeto criou um espaço de leitura extremamente aconchegante, que inclui uma sala de estar íntima. O destaque é a cor vibrante das estantes e das superfícies de paredes e teto, que foram pintadas de vermelho, realçando a personalidade e a extravagância do ambiente. As aberturas são mais discretas, de modo a proteger a intimidade e garantir apenas a quantidade de luz natural adequada.

Banho do casal

Banheiros modernos por Specht Architects
Specht Architects

West Lake Hills Residence

Specht Architects

Os volumes retangulares suspensos abrigam os dormitórios e demais espaços íntimos. Se no interior dos espaços de convívio a paleta de materiais de cores neutras prioriza o protagonismo da paisagem natural, a paleta de cores nos espaços íntimos priorizou a individualidade de cada membro da família, que escolheu a cor de seu ambiente, como a suíte máster que ganhou uma cor azul turquesa. O banho do casal, cujas paredes e piso são revestidos de revestimento cerâmico de tom bege, destaca-se pelo design minimalista dos seus acessórios, como a bancada do lavatório e as duas cubas de apoio. Os armários de madeira embutidos dão um toque rústico ao ambiente.

Mais informações sobre projetos de banheiros, você encontra aqui.

Área de lazer externa

Piscinas modernas por Specht Architects
Specht Architects

West Lake Hills Residence

Specht Architects

O projeto de ampliação do programa de necessidades incluiu a criação de uma nova área de lazer, com destaque para a área gourmet e para a piscina. A piscina se destaca pela borda elevada, revestida de pedra e pela borda infinita, que cria a sensação da água se precipitar sobre o bosque exuberante que circunda toda a propriedade.

Continue navegando em nosso site. Para você que gostou deste projeto de reforma e expansão, selecionamos outra reforma espetacular. Para apreciar, clique aqui.

De qual destas casas você gostou mais, a da década de 70 ou a casa reformada?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda para projetar a sua casa? Entre em contato!

Encontre inspiração para sua casa!