GUS.NA: Salas de estar ecléticas por CÁSSIO VINÍCIUS arquitetura

Economize: decore sua casa com imagens da internet

Eduardo Prado – homify Eduardo Prado – homify
Google+
Loading admin actions …

Arte e beleza caminham de mãos dadas na decoração. E quando falamos em objetos artísticos, uma das opções mais lembradas são os pôsteres com ilustrações ou fotografias. Escolher o conjunto de imagens que irão fazer parte da decoração é mostrar a partir de imagens um pouco mais das preferências artísticas pessoais, seja com a utilização de pôsteres sobre filmes ou com fotografias que registram experiências e momentos incríveis.

Mesmo sendo essa uma escolha muito comum para compor a decoração, é possível que existam algumas dúvidas quanto ao processo que envolve a escolha das imagens, os filtros que podem ser aplicados nas imagens, a impressão e o próprio corte das imagens. Embora este passo a passo não envolva grandes dificuldades e seja de fácil aprendizado, trouxemos hoje um guia prático que poderá ser utilizado em momentos de dúvidas para quando você começar a definir a decoração ou, ainda, decidir mudar um pouco as imagens que estão no seu lar. Esta aliás, é outra excelente vantagem de aprender o processo de escolhas e enquadramento das imagens: sempre que sentir vontade, basta definir novas escolhas para recompor todo o espaço artístico do seu lar.

Para ilustrar cada um dos passos deste processo, levaremos você para visitar projetos de salas de estar, quartos e outros ambientes que ficaram incríveis com as presenças dos quadros decorativos. Temos a certeza de que, além de ter um ótimo guia para ajudar você em todas as vezes que for redecorar com quadros, você poderá também conferir ótimos cenários inspiradores para aproveitar ideias incríveis no seu lar. Venha conosco e aproveite!

Encontre as suas imagens preferidas

Apartamento Vila Nova Conceição: Salas de estar modernas por Marcella Loeb
Marcella Loeb

Apartamento Vila Nova Conceição

Marcella Loeb

Escolher as imagens nem sempre é algo fácil. Embora a internet esteja repleta de alternativas belíssimas, as dúvidas sempre surgem quanto ao estilo, cores e abordagem da imagem a ser utilizada na decoração. É preciso lembrar-se sempre de escolher as imagens preferidas respeitando os direitos autorais das mesmas. Para isto, vale a pena fazer uma pesquisa mais profunda em banco de imagens que dispõem gratuitamente de imagens para downloads.

Veja algumas opções:

Flickr

Morguefile

Dreamstime

Everystockphoto.com

Unprofound

Freeimages

Lembre-se de que estas imagens deverão externar sua personalidade e complementar o estilo de sua decoração, logo, a escolha deverá ser feita com muito carinho. Na imagem, um lindo projeto da arquiteta Marcella Loeb, de São Paulo (SP), que optou pelo conjunto artístico de diferentes estilos e cores de ilustrações e molduras, dando um visual artístico perfeitamente dinâmico ao ambiente. Não sabemos se as imagens foram impressas da internet, mas temos certeza que elas revelam o gosto do cliente!

Considere o tamanho da imagem

Você encontrou uma determinada imagem, pensou nela decorativamente e concluiu que ficaria ótima em um tamanho ampliado na parede atrás do sofá. Porém, no momento da impressão, percebe que a imagem, que estava ótima na tela do computador, acabou sendo impressa com uma série de quadradinhos que deixaram a imagem completamente distorcida. O nome disto é pixelização. Ou seja, a imagem escolhida estava disponível apenas para um tamanho pequeno. Por isso, é sempre essencial atentar-se ao tamanho e qualidade. Imagens em alta definição serão as melhores opções para impressão. No entanto, vale a pena anotar a seguinte regra de tamanhos de folhas e suas resoluções ideais para acertar na melhor escolha:

Para impressões em folhas de 10 x 15 cm, o ideal é que a imagem tenha o tamanho de1800 x 1200; Para impressões no tamanho 13 x 18 cm., a resolução ideal é a de 2100 x 1500; Opções de 15 x 21 cm., ficam melhor na resolução 2500 x 1800 e impressões no tamanho 20 x 30 cm., são boas na resolução de 3600 x 2400. 

Na maior parte das vezes, você poderá conferir o tamanho da imagem clicando com o botão direito do mouse sobre ela.

Na imagem, uma divertida arte de um gatinho que decorou o projeto do arquiteto Cássio Vinícius, de São Paulo (SP).

Aplique filtros nas imagens

Muitas vezes, as imagens que consideramos já serem perfeitas para serem utilizadas na decoração, podem ficar ainda melhores com a utilização de filtros específicos. Para isto, programas como o Photoshop ou mesmo editores de imagens online, poderão ser suficientes para dar um toque mais vibrante ou sombrio às suas seleções. Uma boa dica para isto, é explorar imagens semelhantes em redes sociais, como o Instagram, onde os filtros são aplicados mais facilmente.

Na imagem, o projeto vintage da arquiteta Júlia Queima, do Rio de Janeiro (RJ), que aproveitou perfeitamente os pôsteres de imagens antigas na parede ao fundo, onde está o sofá branco decorado com uma manta colorida.

Defina o tipo de impressão

Quarto da Menino: Quarto infantil  por ARC+ Arquitetura
ARC+ Arquitetura

Quarto da Menino

ARC+ Arquitetura

Determinados tipos de imagens podem ficar melhor com impressões a laser ou a tinta. No geral, a impressão a laser vem sendo adotada de forma popular, substituindo as impressoras a tinta. A vantagem das impressoras a laser é um acabamento mais liso e maior qualidade final na impressão. Imagens com alta resolução ficarão melhor se impressas em jatos de laser. No entanto, se você irá imprimir pequenas imagens em grandes quantidades, a impressão com jato de tinta pode ser suficiente. 

Neste projeto incrível, o escritório Arq+Arquitetura, de Florianópolis (SC), utilizou uma grande quantidade de imagens em diferentes estilos, misturando estampas junto aos quadros e promovendo um efeito jovem e moderno à sala de estar.

Defina o estilo da decoração

Como o assunto é arte, é preciso estar sempre atento quanto ao estilo decorativo do ambiente onde estarão as peças. É claro que, com equilíbrio, é possível apostar no mix de estilos que irá compor a parede ou canto da parede onde estarão as peças. No entanto, como para tudo na vida, o equilíbrio é fundamental. Portanto, lembre-se de alguns estilos de móveis que decoram o ambiente escolhido, bem como as cores que irão ser contrastadas no ambiente. Quanto a distribuição de quadros, você poderá optar ainda pelo estilo despojado, onde as peças são deixadas reclinadas sobre a parede – ou composições com quadros de diferentes tamanhos. Basta usar a criatividade para isso!

Na imagem, uma singela e delicada decoração do arquiteto Cássio Vinícius, de São Paulo (SP).

Capriche na moldura

O toque final nos projetos com quadros, certamente, é a moldura. Com ela, poderemos definir contrastes, estilos e composições com as cores do ambiente. Explorar a criatividade é sempre uma forma interessante de embelezar o ambiente.

Neste projeto do escritório MJ Projetos e Consultoria, de Salvador (BA), a utilização de molduras na cor escura funcionou perfeitamente bem para trabalhar o contraste com a cor branca das paredes, destacando ainda mais as fotos em preto e branco.

E você, tem quadros decorativos na sua casa?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda para projetar a sua casa? Entre em contato!

Encontre inspiração para sua casa!