6 coisas que você pode dispensar e nem sentirá falta!

Lara Berol Lara Berol
Loading admin actions …

Montar uma casa ou um apartamento com tudo aquilo que é do nosso gosto é muito bom! Uma das melhores sensações que podemos desfrutar, porém, essa empolgação pode fazer com que façamos escolhas erradas. É comum que acabemos recebendo diversos presentes de casamento que nunca saem da caixa, ou que uma oferta em uma loja nos chame a atenção para um produto que vai ficar parado no armário. Com isso, acabamos juntando utensílios totalmente dispensáveis.

Sugerimos aqui alguns dos itens que mais aparecem como supérfluos em uma residência. Para ganhar mais espaço ou aproveitar os equipamentos que você já tem em casa e que desempenham funções semelhantes, livre-se daquilo que você não usa mais.

Essa lista traz de produtos de limpeza a eletrodomésticos até difíceis de serem encontrados em lojas. Mas, lembre-se que isso é apenas uma sugestão, você poderá aproveitar aqui as dicas e procurar em sua casa equipamentos e outros objetos que você não usa mais ou que perderam a utilidade para você.

1. Aquecedor de pratos

Cozinha integrada com lavanderia: Cozinha  por Meu Móvel de Madeira
Meu Móvel de Madeira

Cozinha integrada com lavanderia

Meu Móvel de Madeira

Se você tem um micro-ondas dificilmente vai optar em comprar também um aquecedor de pratos. Porém, se ainda assim você tiver um desses em casa, observe quantas vezes ele te foi útil. Talvez você não tenha chegado a usar o aquecedor de pratos mais que dez vezes em toda a sua vida. Reflita, com casas cada vez menores, para que possuir utensílios que quase nunca utilizou? Livre-se desse tipo de ferramenta que, no primeiro momento te pareceu interessante, e agora jaz enterrado no fundo do armário ou na própria caixa. Aproveite o momento para rever outros utensílios parecidos e livre-se deles!

Para ter pratos aquecidos você pode usar o micro-ondas ou até deixar o forno fazer às vezes. Em menos de 3 minutos é possível ter pratos quentinhos para usar! Deixar os pratos mergulhados em água quente também é um velho truque utilizado por restaurantes e que pode ser facilmente adaptado para o uso doméstico. Geralmente esse artifício de aquecer os pratos serve para compensar caso a comida tenha esfriado um pouco se as pessoas irão demorar a se servir. Na maioria das casas acaba se tornando inútil.

Essa linda cozinha integrada com a lavanderia foi desenvolvida por Meu Móvel de Madeira

2. Panos de limpeza de única aplicação

  por Studio Kiran Singh
Studio Kiran Singh

Apartment London

Studio Kiran Singh

Eles são bonitos, coloridos, macios, são embalados em um pacote chamativo, limpam bem, mas… servem para apenas uma aplicação. Imagine que você use cerca de sete panos a cada limpeza. Em um mês, fazendo uma faxina apenas por semana vai usar em torno de 28 panos. É muito desperdício! Tente calcular também o gasto que isso representa para você e o quanto isso impacta no orçamento da casa.

Trocar esse hábito, adquirir panos laváveis e muito mais duráveis vai fazer com que você economize, passe menos aperto na hora de comprar os tais panos e ainda ajude o meio ambiente. Pense na facilidade de ter sempre seus panos de limpeza pronto para serem usados sem sair para comprar um novo a cada limpeza ou necessidade. Se o trabalho de lavar os panos vai aumentar, pense em quantos outros aspectos você economizou.

3. Produtos de limpeza nocivos

Já parou para contar quantos e listar quais produtos de limpeza você possui em seus armários? É bem possível que você tenha se espantado. Talvez até alguns estejam vencidos. Pois bem, avalie se você realmente necessita de tudo isso. Geralmente, produtos extremamente abrasivos ou nocivos que são comprados por inexperiência, ou apenas por curiosidade, acabam ficando de lado nas prateleiras. Ou você não se adapta ao resultado, ao modo de usar ou ao cheiro forte. Melhor evitar se há crianças, animais ou pessoas de idade e alérgicas em casa.

Depois de tantas desvantagens citadas, é preciso convir que ter esse tipo de produto em casa não é a escolha mais sensata. É possível conseguir resultados tão ou mais satisfatórios com produtos comuns e naturais. Não caia no apelo do comercial da televisão ou na receitinha da amiga da vizinha. Tente manter sua casa livre de produtos nocivos para você e para sua família. Com saúde não se brinca!

4. Cozedor de ovos

O cozedor de ovos é outro utensílio bastante questionável. Se é possível cozinhar os ovos do mesmo modo em uma leiteira ou uma panela, para que você precisa de um cozedor específico? Eles podem ser pequenos, bonitinhos e até divertidos. Mas, sinceramente, quantos ovos cozidos você come por dia? Por semana? Pois é… Além do mais, esse tipo de cozedor utiliza energia elétrica, um gasto extra para sua conta.

O cozedor de ovos também precisa de limpeza diferenciada, não basta passar uma esponja com sabão assim como outros utensílios. Pense bem antes de adquirir um desses. Até ovos beneditinos, que exigem um ponto específico de cozimento podem ser feitos com utensílios comuns, então não há razão para essa escolha.

5. Abridor de latas elétrico

É possível que você tenha aprendido a abrir latas há muito tempo e ainda não se esqueceu como se faz isso. Se você não trabalha em um restaurante ou não precisa abrir dezenas de latas a cada vez que vai cozinhar, admita que não há necessidade de possuir um abridor de latas elétricos em sua cozinha. Se você é canhoto e tem dificuldades em se adaptar com os abridores comuns, saiba que já existem no mercado abridores para canhotos e eles não são elétricos!

Além de custar bem mais caro que os abridores em metal, os abridores elétricos exigem diversos cuidados especiais para não que não estraguem. Até para lavar é preciso ter atenção redobrada. Ou seja, não é nada prático e ainda pode dificultar sua vida.

6. Vaporizador

Cozinhas modernas por LUSIARTE
LUSIARTE

Une cuisine

LUSIARTE

As vantagens de ter um vaporizador em casa parecem muitas. No comercial de venda do produto, então, é quase possível afirmar que não será mais viável viver sem um desses. No entanto, sejam os vaporizados para limpeza de estofados ou aqueles usados para passar roupas, todos têm em comum a questão de não serem bons para todos os tipos de tecidos. Outras restrições também acabam surgindo ao longo do uso. Você irá ver que nem sempre é uma boa ideia utilizar o vaporizador em todos os momentos. Então, você acabará voltando aos métodos tradicionais de limpeza. Ou seja, mais um utensílio parado!

Se você já se empolgou com a limpeza e não vê a hora de jogar mais coisas fora para conseguir arrumar a casa do modo que você tanta deseja, leia esse artigo. Ele irá te ajudar nessa missão!

Agora que você já conhece o que não precisa, que tal renovar seus estoques? Conte para nós como é viver com menos! 
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda para projetar a sua casa? Entre em contato!

Encontre inspiração para sua casa!