por doesntexist

Animais seguros, donos felizes!

Josi Monteiro – homify Josi Monteiro – homify
Google+
Loading admin actions …

Os cachorros parecem adorar destruir um lindo jardim, às vezes, você pode não querer acreditar, mas a grande maioria dos problemas cotidianos caninos são fruto do pouco estímulo e da falta de exercícios, dia após dia, ou seja, o cão necessita de movimentação e exercício constante. Nenhum cachorro foi criado pensando nas horas que ele teria que passar sozinho, além de ambientes fechados.

Agora, se você tiver espaço na sua residência, crie um cantinho especial dentro de um jardim seguro para os cães. Um ambiente apropriado para o seu cachorro se divertir ao ar livre, mas ao mesmo tempo resguardar suas flores. Um dica é você cercar uma área com sombra, com uma bela cerca de madeira ou ferro e inclua atrativos interessantes para o seu melhor amigo, como seus brinquedos favoritos, uma plataforma elevada para curtir a paisagem e quem sabe até uma mini pista para ele correr e pular. 

Uma sugestão é você cobrir a superfície com materiais atóxicos, como lascas de madeira, folhas secas ou até mesmo uma mistura de areia e terra, ideal para os peludos que gostam de cavar. Então, se o seu jardim está embelezado com vegetais, plantas e flores seguros para cães – há alguns toques para fazer um lar completo: um cercado forte com um portão que fecha bem e dá fácil acesso à sombra, abrigo e água fresca. O seu cão agradece o carinho e o cuidado!

Portão seguro

Jardins modernos por Metallbau Sandmeier
Metallbau Sandmeier

Gartentor mit aufrechten Edelstalstäben

Metallbau Sandmeier

Independente do tipo de portão que você escolher, esteja certo que é robusto, sem chances de seu cão escapar. Ele não deve conseguir pulá-lo, cavar em baixo ou espremer-se por um buraco. Se seu cachorro é um cavador, você pode fazê-lo desistir da ideia, forrando o chão abaixo do portão com concreto. Algumas pessoas preferem que a casa esteja com ampla visão e decidem colocar uma daqueles sistemas de cercas eletrônicas. Se você está pensando em seguir esse caminho, lembre-se de que embora esse tipo de cerca possa conter seu amigo, não vai impedir a entrada de outros cães e intrusos. O ideal é um portão que não dê oportunidade para o se cachorro fugir ou nem a entrada de outros amiguinhos. 

Abrigo

Encontrar o local para colocar a casa do cachorro depende da localização. O lugar ideal tem sombra durante o verão, além de oferecer proteção no inverno. Se você mora em um lugar cujo clima é úmido, coloque a casinha em uma grande área, com boa drenagem. É claro, que uma casa de cachorro precisa ter um chão, para que ele não precise dormir na grama fria. Algumas casinhas são projetadas com chão elevado. Você pode querer cercar a área com tábuas ou colocar feno, mas de modo precisa que seja um espaço seguro para o cão ficar protegido.

Pavimento confortável

Jardins tropicais por Zen Ambient
Zen Ambient

jardín de bambú

Zen Ambient

A pavimentação dos caminhos pode ser atrativa ou desinteressante para os cachorros. Bolachas de madeiras serão gostosas de caminhar, mas pequenas pedras podem incomodar as patinhas do seu cão. Ao fazer um caminho no jardim, estimule seu cachorro a andar por ele, usando um pavimento agradável e confortável. O contrário também é válido. Um caminho desconfortável aos cães pode levar a um local que você não quer que eles visitem. Cuide bem da patinha do seu amiguinho. 

Plantio

Se um plantio e gosta de fazer jardinagem, não é aconselhável que faça tal tarefa na presença do cachorro. Porque as folhas recém cortadas e terra revirada são um convite à brincadeira e ele não vai entender que você está trabalhando, cuidando das plantas, ao invés de estar simplesmente cavocando o jardim. Não dê ideias que podem se transformar em comportamentos desagradáveis de lidar depois. Todo cuidado é pouco.

Plantas e flores

Bom, você jamais deve aplicar agrotóxicos em suas plantas se os cães tiverem livre acesso à elas. O mesmo vale para granulados contra lesmas ou formigas. Eles se assemelham à ração e podem ser extremamente tóxicos aos seu bichinho. O mesmo vale para fertilizantes naturais à base de mamona. Evite utilizar farinha de ossos ou estercos mal curtidos, pois estes produtos estimulam que o seu cãozinho revire a terra e, assim ele poderá ingerir materiais indevidos do seu jardim.

Área de alimentação e água potável

A maioria dos cães adora água e qualquer fonte ou lago, por menor que seja, será alvo da sua atenção. Em grandes estruturas aquáticas é necessário garantir que o cachorro consiga sair sem dificuldades. Os tanques representam normalmente um perigo de afogamento, devido às paredes verticais que não permitem ao cão ou outro animal um apoio para sair sozinho. Com as estruturas pequenas, o perigo é normalmente a qualidade da água, que não deve ser bebida pelo animal. Neste último caso, basta algum treino para que o cão não beba nesse local.

Jardim seguro!

Se nada der certo e o seu cachorro for implacável com as plantas, você ainda pode tentar ter um jardim só com vasos e jardineiras, com algumas cestas suspensas para um charme maior  e, – maior proteção. Plantas bulbosas são uma boa pedida também, pois tem o ciclo mais curto, não ficando à mercê dos cães o ano todo, além de rebrotarem após serem machucadas. Quando for montar o seu jardim – pense nos animais que moram com você. O projeto foi desenvolvido por Madeño Arquitetura & Engenharia, localizado em Ubatuta/São Paulo. 

Gostou do artigo? Comente.
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda para projetar a sua casa? Entre em contato!

Encontre inspiração para sua casa!