Quarto de criança vintage – personalidade na decoração

Patricia Smaniotto – homify Patricia Smaniotto – homify
Google+
Loading admin actions …

Alguns quartos infantis têm mais personalidade do que outros. Isso porque é aplicado no quarto um conceito muito especial, o vintage. Esse conceito trabalha com a ideia de utilizar algumas peças de mobiliário que lembram outras épocas misturadas em um ambiente que geralmente é moderno e contemporâneo. Na verdade, estas peças não devem apenas lembrar outras épocas, mas ser de outras épocas.

Assim, peças e mesmo roupas dos anos 1920, 1930, 1940, 1950 e 1960 são oficialmente vintage. Mas há quem não seja tão rigoroso e inclua nessa lista os anos 1970, 1980 e 1990. No caso de um quarto infantil vintage, procure não montar um quarto miniatura de adulto como seria em uma dessas décadas. Ficaria muito sóbrio e crianças têm necessidade de cores no seu ambiente pessoal. Apenas escolha algumas peças e dê destaque a elas. Com certeza, ficará original o suficiente.

Acompanhe agora nossas sugestões e se inspire para dar personalidade ao quarto de seus filhos.Você vai se divertir e, quem sabe, descobrir que tem peças vintage aí mesmo na sua casa.

Cama de ferro forjado

Nesse quarto infantil, o destaque é a cama de ferro forjado com decoração sinuosa. A parede e o almofadão azul destacam a cama e dão a medida certa do quarto de criança. A estante em madeira, junto com o piso no mesmo material, passam aconchego a quem entre e os ganchos com os casacos coloridos dão pinceladas de cor em um ambiente claro, suave e, ao mesmo tempo, vibrante. Simples, simpático e com um quê a mais.

Alegria anos !970

Quarto infantil  por Helma Eigenheimbau AG
Helma Eigenheimbau AG

Das EnergieAutarkeHaus von HELMA , Kinderzimmer

Helma Eigenheimbau AG

Aqui, o que chama a atenção é o uso de cortinas e roupas de cama estampadas, com padrões que lembram as mesmas peças dos anos 1970. A cabana também é outra coisa comum naquela época e ainda guarda um charme que encanta as crianças. O ambiente é, ao mesmo tempo, vibrante e leve, com paredes brancas e amplas janelas que deixa entrar muita luz natural no quarto. Espaço é o que não falta para brincar neste quarto repleto de cores e muita personalidade.

No túnel do tempo

Quarto Menina 2 - Mostra Baby Dreams House: Quarto infantil  por Heller Arquitetura e Interiores
Heller Arquitetura e Interiores

Quarto Menina 2 – Mostra Baby Dreams House

Heller Arquitetura e Interiores

No projeto de Heller Arquitetura e Interiores, é como se entrássemos no túnel do tempo e fôssemos parar no quarto de Wendy (essa mesma, a amiga do Peter Pan). Tudo é delicado, com ar de antigo e as estantes exibem bonecas e bichos de pelúcia que não se vê mais hoje em dia. Com muito branco e leves toques de rosa e rosa champanhe, o espaço é confortável, perfeito para brincadeiras de travesseiro com os pés descalços nesse tapete fofinho. O quarto conta ainda com uma mesa que pode fazer as vezes de penteadeira, para a dona do quarto e suas bonecas. A imagem é de Graci Assolari.

E para o bebê, nada?

Neste quarto de bebê, a opção foi por cores neutras e objetos vintage, como o berço, a mesa e a cadeira brancas clássicas, o cubo com a letra B e o cavalinho de balanço. O piso em madeira fornece o aconchego necessário ao quarto, que conta ainda com um pequeno tapete natural com uma estrela branca, que dá uma bossa ao espaço. Minimalista, claro, leve, é um quarto com personalidade e muita discrição.

Vintage + design

Uma preciosidade, este quarto de bebê mistura vintage e design. O vintage está no armário antigo que lembra aquelas antigas cabines de praia, que foi pintado de cinza. O design aparece na cadeira laranja, na luminária de teto branca e na luminária de piso que lembra um dente de leão. Sem falar do papel de parede branco e bege que faz ótima parceria com o berço de madeira. O resultado é também minimalista, claro e leve, mas com pontos de cor – laranja – pouco comuns em um quarto de bebê. Tudo é delicado e sereno, como o piso de madeira acinzentada, que expande o espaço.

Mesa e estante

Esse conjunto de estante, bancada e mesa é clássico: a estante em madeira escura destaca os brinquedos, a bancada amarela ilumina a sala e a mesa branca redonda vem acompanhada de cadeiras coloridas, que lembra muito os anos 1970. Ambiente espaçoso, claro e limpo, instiga as crianças pelo colorido das peças e dos brinquedos. Não há criança que não gostaria de brincar nesse espaço. Crie um lugar assim na sua casa e tenha seus filhos em atividades permanentes!

Iluminação

Muito importante no quarto de uma criança é a iluminação. É preciso ter iluminação no teto com dimer, mas também iluminação indireta, por meio de abajures localizados em pontos estratégicos. Por exemplo, em um quarto de bebê, um abajur deve estar localizado ao lado da poltrona de amamentação da mamãe. Já no quarto dos mais grandinhos, um abajur ao lado da cama ajuda muito a combater o medo do escuro. Nesse quarto com uma bela cama de metal trabalhado e enfeites de bolinhas, um banquinho abriga um coelhinho brilhante, que traz tranquilidade para o pequeno. Além de ser uma peça vintage. 

Brinquedos em extinção

Quarto da Clara: Quarto infantil  por Fina Stampa
Fina Stampa

Quarto da Clara

Fina Stampa

Brinquedos são objetos que podem ganhar muito mais encanto se você souber procurar peças vintage. Blocos de madeira com o abecedário, brinquedos artesanais em madeira, bichos de pelúcia antigos, bonecas de outras épocas, cavalinho de pau, cavalinho de balanço, bonecos de pano, tendas indígenas, bolinhas de gude, jogos antigos de tabuleiro, peças de armar e de encaixar, carrinho de boneca antigo, bonequinhos de papel para vestir, carrinhos antigos, trenzinhos, corda de pular – enfim, uma infinidade de brinquedos que estão em extinção, mas com que você brincava e se divertia muito. Dê essa experiência lúdica para os seus filhos, inclusive fazendo máscaras para um teatrinho animado.

Soluções para armazenar

Quarto infantil  por The Binary Box
The Binary Box

Customer Photo's

The Binary Box

Um armário simples e antigo pode ganhar uma bela pintura branca e puxadores coloridas para servir de opção de armazenamento no quarto do seu filho. Para manter o ar vintage, a parede pintada com bolinhas coloridas dão o toque anos 1960 e tornam o cantinho muito mais especial. O mesmo serve para outros tipos de armários e, fazendo uma pesquisa na internet, você vai achar padrões estilosos de outras épocas que vão dar aquele charme no quarto do seu filho. Para outras dicas sobre vintage, leia este artigo.

Qual é a sua dica vintage?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda para projetar a sua casa? Entre em contato!

Encontre inspiração para sua casa!