Como fazer um jardim vertical. Veja 10 ideias!

Douglas Galan Douglas Galan
Loading admin actions …

Parece que a moda dos jardins verticais veio para ficar. Eles vêm conquistando espaço e corações em cada vez mais projetos residenciais pelo Brasil afora. E não é para menos: o paisagismo vertical economiza metragem (sendo ótimo para apartamentos e outros pequenos lares), sofistica ambientes, harmoniza a decoração e traz para dentro da casa uma sensação de aconchego, graças à presença da natureza. E quem acha que apenas um enorme quadro vivo feito por empresas especializadas podem dar lugar a um projeto dessa modalidade está totalmente enganado. Neste livro de ideias, apresentamos 10 modelos de jardins verticais que você mesmo pode fazer, com alguma habilidade e a ajuda de alguns equipamentos. 

Para conquistar o seu, você vai precisar se orientar sobre a estrutura a ser projetada, equipamentos necessários, tipos de plantas (com suas respectivas necessidades em relação à irrigação e insolação) e um tempinho extra para se dedicar à jardinagem – o que não é nenhum sacrifício, mas um verdadeiro passatempo.

Interessado a fazer o seu jardim vertical? Então, mãos à obra!

Frisos e vasos

varanda graciosa tem atrações vegetais tanto na horizontal, em vasos, quanto na vertical. Os frisos de madeira toraram-se uma treliça muito dinâmica. Itens foram fixados de maneira aleatória, criando uma um visual interessante. Um convidativo banco abre espaço para apreciar o local. Itens decorativos como lanternas e objetos de cerâmica completam. 

Em dormentes

Dormentes de madeira de demolição criaram painéis onde foram fixados espécies em vasos e quadros. Espécies atraentes como os aspargos e chifres-de-veado criam dinâmica para o espaço. Os dormentes podem ser encontrados em casas de antiguidades e servem tanto para jardins quanto para criativos móveis de interiores. O bom deste material é que quanto mais desgastado pelo tempo, mais bonito ele fica. No entanto, por serem porosos, procure dar proteção a eles com verniz ou outros artigos. 

Trepadeiras na grade

estar externo - casa SP: Jardins industriais por studio vtx
studio vtx

estar externo – casa SP

studio vtx

Neste estar externo com perfil super contemporâneo, de uma casa onde os contêineres foram o ponto de partida da edificação, o gradil faz o papel de dar suporte às plantas trepadeiras, criando um treliça superoriginal e fácil de fazer. A estrutura em metal que é divisória e compõe o teto recebeu o material de ferro em tramas, por onde sobem as espécies aéreas. Na lateral, um nicho no revestimento de deck dá espaço a um quadro vivo vem volumoso. Móveis resistentes em lona acompanham o espaço, suportando ao sol e intempéries. Detalhe para a mesa em pedra, muito elegante.

Treliça

A treliça de madeira é um item simples para a criação de um jardim vertical; basta fixá-la à parede. O canteiro de alvenaria revestido com deck é outra boa sacada deste projeto. Toda a varanda recebeu um deck em pinus auto clavado. Os canteiros elevados servem tanto pra flores quanto temperos. Foram feitos desta forma para esconder as máquinas de ar condicionado.

Painel para vasos

A parede revestida com deck de madeira num cantinho da varanda serviu de apoio para a fixação de uma caixa de madeira e vasinhos com flores. Boa composição foi feita com a composição de vasos para espécies de diferentes tamanhos. Destaque para pata de elefante plantada em vaso cerâmico, que traz um dinamismo para o local. Espécies mais compactadas, como os buxinhos, e delicadas, como as flores, criam um jardim super eclético. As poltronas permitem ficar totalmente envolvido pelo verde. Projeto e execução Home & garden.

Nas caixas de feira

Simples caixas de feira fixadas à parede deram origem a este jardim vertical. Uma ideia barata, criativa e fácil de ser executada. Junto à cozinha, os caixotes de feira envernizados servem de cachepot para os vasinhos de temperos da horta orgânica. Boa ideia para copiar já! Não se esqueça de fixar a peça em locais de meia sombra, onde as espécies possam evoluir. 

Suspensos por arames

A composição pra lá de criativa e atraente foi feita com vasos de cerâmica suspensos por arames e fixos em pergolado. O pendente de iluminação foi feito no mesmo material. Produzidos para compor um jardim flutuante dentro da casa vencedora do Prêmio bimbon casa 10×10, os objetos se dividem entre cachepôs e luminárias de cerâmica caracterizadas pela monoqueima. O jardim foi projetado sob medida em parceria com a paisagista Luiza Soares, em diálogo com a proposta conceitual do projeto da casa. O ateliê de Cerâmica de Flavia Soares é responsável pelas peças criativas penduradas no pergolado. Detalhe importante na produção de um espaço semelhante é prever a altura em que ficarão os vasinhos, para não atrapalhar a circulação pelo ambiente.

Quadro vivo e bancada

No painel de deck que contorna as paredes foi fixado um painel de fibra que tornou-se um quadro vivo. A composição com bancada para vasinhos e floreira criou um ambiente perfeito. Houve a criação de uma atmosfera relaxante, unindo a varanda ao bosque localizado nos fundos do condomínio.  Algumas peças foram dispostas sobre o aparador, que também é usado nas  reuniões com a família e  amigos.A arquitetura de interiores foi feita pela Modello Arquitetura e Design e o projeto de paisagismo é de Eduardo Luppi. Um ponto funcional da proposta é que o Painel de madeira camufla as unidades externas do ar condicionado.

Alvenaria e prateleira

PEQUENO JARDIM APARTAMENTO TÉRREO. SÃO PAULO.BRASIL: Jardins modernos por Línea Paisagismo.Claudia Muñoz
Línea Paisagismo.Claudia Muñoz

PEQUENO JARDIM APARTAMENTO TÉRREO. SÃO PAULO.BRASIL

Línea Paisagismo.Claudia Muñoz

O proprietário deste apartamento térreo queria aproveitar a antiga área de serviço para ter um pequeno jardim. Ele é um homem solteiro e jovem que disse que não teria muito tempo para cuidar das plantas, por isso foram escolhidos: cactus, suculentas e orquídeas como espécies principais desse jardim. Na estrutura, há uma escada em alvenaria feita a partir de tijolos aparentes, que criou um jardim suspenso muito bonito e criativo. Uma prateleira de madeira fixada com mãos francesas acentua a exploração da parede e a verticalidade deste jardim.

Biombo criativo

Esta proposta é um pouco mais complicada para ser executada sozinho, mas o resultado é arrebatador. No biombo divisório feito com frisos e caixas de madeira foram colocadas folhagens e orquídeas. Boa ideia para copiar e ter o seu jardim vertical. Este elemento foi desenvolvido para esconder duas unidades condensadoras de ar condicionado. Possui rodas para manutenção da peça e dos aparelhos. Ideia e execução são da A Varanda Floricultura e Paisagismo.

Qual desses jardins verticais mais lhe agradou? Que tal montar o seu?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda para projetar a sua casa? Entre em contato!

Encontre inspiração para sua casa!