Como decorar o jardim com flores

Larissa Monteiro Larissa Monteiro
Google+
Loading admin actions …

Alguns dizem que com apenas diferentes espécies e cores de plantas semeadas, um jardim já está mais do que decorado… Aqui nós vamos mostrar que esse pensamento é só uma parte de o que pode se tornar um jardim. Principalmente, se for decorado com belas flores.

A jardinagem se tornou um item de enorme relevância nos últimos anos, quer como passatempo. Seja como atividade de hobby, decoração de grandes espaços ou mesmo particulares. Em 2013, as tendências em jardinagem são muitas e acompanham o lifestyle contemporâneo. As composições ganharam atenção e se tornaram mais detalhadas e complexas.

Flores muito usadas no passado voltaram a estar em evidência.Espécies como lavanda, hortênsias, salva, impatiens e celosia, entre outras espécies mais tradicionais. Quer colorir o seu jardim com uma variedade de flores e de cores? Aqui você ficará por dentro das dicas.

Organizado em canteiros

Vivendo em uma região urbana, muitas das habitações são apartamentos com pequenos espaços ou casas sem áreas verdes, as varandas vão se transformando em autênticos jardins: quer seja através de grandes vasos, floreiras e canteiros, quer seja através de jardins verticais ou suspensos. 

O cuidado e as necessidades das plantas serão as mesmas, a dedicação necessária a ter com estes jardins urbanos não deve ser reduzido por conta do tamanho do espaço. O uso de canteiros com flores de mesma cor e espécie fazem um jogo de color blocks que traz alegria e expande espaços reduzidos.

Um toque de roxo

Muitos jardins são completos e bem resolvidos sem o uso de tantos arranjos ou espécies. Atualmente, os jardins mais homogêneos, sem grande mistura de cores e texturas estão sendo muito usados.  

Isso facilita o uso de outros elementos como artefatos decorativos com cor, sem que o jardim fique muito carregado de informação. No entanto, se prefere um jardim bastante florescente e colorido, opte por concentrar as flores de forma igualitária, ao invés de as espalhar por todo o jardim. Usar Orquídeas de cores intensas é uma ótima opção. Ainda mais, se for em grandes quantidades.

Espalhado em vasos

Jardim Vertical: Jardim  por Tuti Arquitetura
Tuti Arquitetura

Jardim Vertical

Tuti Arquitetura

Dispor flores e plantas em cestos ou vasos de barro, suspensos no jardim,  é uma organizada forma de compor e decorar o espaço. Quer seja em árvores de grande porte, quer seja em pérgolas ou outras estruturas do gênero, o ambiente ficará harmonioso e ainda poderá contar com detalhes criativos dos vasos.

Flores da espécie Poinsétias têm uma tonalidade vermelha muito intensa e rica. Indicada para ser usada com outras flores vermelhas e tons fortes de roxo ou plantas com cor verde escura.

Campo de lavanda

A Lavanda pertence à família das Lamiaceae. Existem várias espécies de Lavanda, como a lavanda inglesa, francesa e espanhola e todas elas desempenham um papel importante no embelezamento de um espaço. Elas apresentam folhas opostas, lineares ou lanceoladas e são flores conhecidas por serem muito aromáticas.

Esta planta apresenta flores azuis ou roxas com a forma de espiga e o seu florescimento ocorre na primavera. A Lavanda não é exigente quanto à fertilidade do solo, mas este deve ser muito bem drenado e receber uma exposição solar direta para que ela cresça de uma forma saudável e consistente. Os tons roxos e azulados desta flor se destacam em paisagens e campos verdes. Elas criam um jogo interessante se usadas em nichos de grandes quantidades.

Mix de texturas

A aposta em flores verdes e nas folhagens é uma ótima opção para criar um efeito visual cheio de texturas e com muito movimento. Além disso, são mais econômicos e são fáceis em questões de manutenção. Podem também ser misturados com as flores que duram menos tempo ou só florescem durante uma estação, mantendo assim uma beleza transitória no jardim.

Em locais grandes e muito espaçosos, uma dica é pensar em jardins curvilíneos ao invés de jardins completamente retos. Eles são tão práticos quanto os jardins retos e permitem um efeito visual eficaz quando as plantas florescerem.

Concreto e discreto

Em casas ou locais onde não se pode ter um gramado ou uma área que disponha de terra, o jeito é contornar a situação com vasos e outros suportes para preencher com flores. Poupar, aproveitar e reciclar a água no jardim é precisamente outro fator que tem muita importância atualmente. A irrigação consciente é cada vez mais uma realidade. 

Caso queira investir nos vasos e suportes, veja Como decorar com vasos.

Flores aquáticas

Quem pensa em fazer um jardim aquático, seja em um espelho d’água, pequeno lago ou até mesmo um tanque improvisado, não pode deixar de conhecer as ninfáceas (família botânica Nymphaeaceae). Existem diversas espécies, todas elas com alto valor ornamental. Cem por cento aquáticas, suas raízes são grandes e amplas para a obtenção do máximo de nutrientes do ambiente aquático.

A melhor localização é num local que receba algumas horas de sol por dia. Preferivelmente longe de sombras e áreas escuras. Criando um pequeno jardim aquático você aumenta a biodiversidade do seu jardim e tem um ambiente muito relaxante.

Suspenso e como mini fonte

As fontes são ótimos itens para jardim pois trazem tranquilidade ao ambiente e podem ceder água para irrigar a área. São decorativas e podem ter formatos personalizados. Isso pode vir pela disposição ou pela escolha de materiais.

Neste jardim, a aposta foi na flor Nêveda, que é uma planta silvestre que pertence à família Labiatae, a mesma das hortelãs e urtigas. Trata-se de uma planta que tem uma raiz forte, com caules quadrados, eretos e ramificados e pode atingir cerca de 1 a 1,5 metros de altura. 

Faixas de cor

Neste belo jardim projetado pelo escritório Rocanto Paisagismo e Comércio de plantas, plantas e flores tropicais foram a escolha principal. Elas trazem cores fortes e formatos exóticos que criam uma harmonia e ritmo no espaço.

O uso de árvores que contêm flores ambienta o espaço com a delicadeza da disposição das mesmas e transforma o local em uma área de lazer e descanso.

Toda a flora

Neste jardim, muitas espécies de flores provençais foram misturadas com plantas de diferentes alturas e formatos. A mancha visual que resulta a mistura é charmosa e possui bastante movimento. O excesso não é algo ruim, se for muito bem trabalhado.

Os elementos escolhidos criam uma selva floral particular que traz alegria e um clima divertido no quintal da casa. Os matizes das flores seguem um padrão que vai do vermelho ao roxo e isso permite a harmonia de toda a área.

Qual dessas linhas faz mais sentido com o seu estilo?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda para projetar a sua casa? Entre em contato!

Encontre inspiração para sua casa!