Loft refinado e enorme brinca com volumes

Tony Santos Arquitetura Tony Santos Arquitetura
Loading admin actions …

Concebida especialmente para a 28ª edição da Casa Cor de São Paulo, a Casa Cubo, projetada pela arquiteta Denise Barretto, é composta de três cubos interseccionados que formam os ambientes integrados e monumentais deste projeto conceitual e inovador. A casa possui área de 168 m².

De acordo com a arquiteta, o projeto baseou-se nas influências da arquitetura modernista paulista dos anos 50 a 70, apresentando portanto linhas retas e formas puras, mas acrescentando novas texturas ao brutalismo das estruturas polidas e aparentes, características da escola paulista. 

Confira a seguir este projeto deslumbrante e encantador, inspirado na tradição da escola moderna paulista, que realça a nobreza dos materiais de acabamento, do mobiliário de diversos designers brasileiros e de obras de arte, realçando a brasilidade e a sensação de conforto e aconchego.  

Projeto de interiores

O projeto de interiores atingiu o que todo projeto de interiores almeja, dar uma identidade própria e marcante a cada ambiente. Revestimentos, mobiliário e acessórios criam um ambiente sofisticado e com personalidade única. A iluminação de LED, adotada nas sancas e feixes de luz, em diversos lugares do loft, buscou propiciar a sensação de conforto. O paisagismo é composto de vegetação tropical, que incluem Primavera Branca, Murta, Neve da Montanha e Jabuticabeira. E, tapetes de estilo contemporâneo e clássico  feitos de materiais nobres complementam a decoração. Além disto, o bambu também está presente, aliado a materiais naturais controlados e certificados, como madeira, couro, linho e seda.

Intersecção volumétrica

Como já mencionado, a casa cubo constitui-se de um jogo de volumes em que os espaços se interseccionam, formando um espaço único e monumental, que todavia apresenta diferentes atmosferas e também níveis de privacidade distintos. O primeiro cubo, mais aberto e informal, dá acesso à área social e é ornamentado por diversas obras de arte e duas bicicletas suspensas. O projeto buscou evidenciar a nobreza dos materiais de acabamentos. No primeiro cubo predomina os tons escuros e a nobreza do mármore, que reveste o piso. 

Espaços integrados

No segundo volume estão organizados e dispostos os principais ambientes do loft. Conforme se nota, as amplas aberturas nas extremidades e integração dos ambientes resultam em espaços banhados de luz natural. O living room apresenta uma rica e estimulante profusão de texturas, percebidas em cada detalhe, das paredes ao piso. A sala de estar é formada por um longo sofá em couro e linho, coberto por almofadas na cor fúcsia, e uma aconchegante lareira ecológica. Ao fundo, notamos a suíte da casa, que se destaca como um altar no ambiente, dedicado a rituais íntimos e românticos. 

Detalhe: obras de arte

Obras de arte estão distribuídas por todos os ambientes do loft, fazendo do espaço habitável um espaço de convivência e fruição da arte. No living room, uma escultura feita de arame, em forma de figura humana, serve de apoio ao aparador composto de cobre maciço, de 3 metros de comprimento. Além disto, uma tela de dimensão imponente, cria um contraste suave e intrigante com a parede de lateral e traz vida e delicadeza para o ambiente.

Cozinha

Ao cruzar o primeiro cubo, o visitante se depara com a nave principal da residência. Neste ambiente situa-se, entre outros, a cozinha, com móvel em madeira natural com marcenaria artesanal e totalmente integrada aos demais espaços do living room. Junto à cozinha está a sala de jantar, cujo destaque é a mesa imponente de cinco metros de comprimento em lâmina de cristal, apoiada sobre uma estrutura de madeira. Além disto, uma luminária escultural com pendentes, composta de cúpulas de cristal feitas artesanalmente, através da técnica de vidro soprado, ornamentam e embelezam o ambiente.  

Suíte master

Um dos destaques do projeto é a escala monumental dos ambientes, evidenciada pela altura avantajada do pé-direito. No entanto, a medida que nos aproximamos do espaço mais íntimo ou da suíte master, situada no fundo do loft, experimentamos uma sensação maior de intimidade e acolhimento, evidenciada pela redução da altura do ambiente. Além da redução da escala, a suíte master conta também com uma decoração que realça a sensação de conforto e romantismo. Paredes e piso foram revestido em madeira criando uma atmosfera mais acolhedora. A cama, um dos destaques do ambiente, é envolta por um dossel de madeira, compondo o terceiro cubo. 

Banho da suíte

O banho da suíte é integrado ao loft e também se destaca pela sua materialidade ousada. O nicho do lavatório é todo revestido em madeira, devidamente certificada. Detalhes minuciosos, como as louças em dourado, evidenciam o requinte e a sofisticação do ambiente. 

Impressionado com o banho desta suíte? Você pode obter mais informações de projetos de banheiro, acessando nossa seção especial. 

Detalhe: banheira livre

Uma ampla abertura para o jardim externo, situada no fundo do loft, fornece luz natural abundante para todos os ambientes, tornando o ambiente integrado mais bem iluminado e agradável. Na suíte, dormitório e banho se fundem. A banheira de forma curva e delicada, posicionada livre no espaço, funciona também como objeto decorativo e realça o requinte e romantismo do ambiente. 

Para obter mais informações de projeto de lofts, leia este artigo.

Qual o detalhe na decoração que mais lhe impressionou? Compartilhe conosco sua opinião.
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda para projetar a sua casa? Entre em contato!

Encontre inspiração para sua casa!