Como atrair plantas selvagens para seu jardim

ana roman ana roman
Loading admin actions …

A casa com verde fica muito mais viva! Entendemos que cada vez mais o homem está voltando seu olhar para a natureza, retornando a valorizar este contato que tem tamanha importância para nosso bem estar e equilíbrio de vida. Nas cidades acabamos sendo atropelados pelo agitado ritmo da rotina e afazeres, tudo é regrado e rígido. Como tentativa de balancear este efeito e melhor nossa qualidade de vida o planejamento de áreas verdes é extremamente rico.

Este planejamento tem que se encaixar no perfil de cada um de nós, para que faça sentido dentro de nossa vida e não acabe caindo mais uma vez em realizações impróprias e distantes do nosso interior. A opção de montar um jardim mais despojado e encontrar plantas diferentes e selvagens pode ser uma possibilidade enriquecedora.

Nosso país tem uma infinita variedade de plantas, então porque continuar cultivando as mesmas que todos? Procurar espécies diferentes, que tenham a cara de seu lar está cada vez mais fácil. E não precisa ir longe, você sabia que existem diversas espécies nativas que já estão crescendo por ai nas calçadas e praças? Precisamos afinar nosso olhar para começar a dar atenção a essa pedaço de natureza espontânea. Uma das principais características deste tipo de plantas é que ela vai começar a brotar espontaneamente. Comece criando um solo vivo para receber estas visitas, comece plantando o que estiver por perto. As plantas selvagens são responsáveis por enriquecer o solo degradado, além de doarem os sais minerais que este solo precisa e devolvem o material orgânico que fora retirado.

Muitos estudos recentes tem sido feitos sobra as PANCs – Plantas Alimentícias Não Convencionais. Na nossa dieta aproveitamos muito pouco da diversidade de plantas comestíveis, por isso, a identificação de PANCs tem sido cada vez maior entre os especialistas e também curiosos, como nós. Aliadas a rusticidade e ao fácil manejo, as PANCs são espécies de grande importância ecológica, cultural, alimentícia e econômica. O termo PANCs foi criado pelo botânico Valdelly Kinupp, com objetivo de desmistificar preconceitos com plantas consideradas “daninhas”, ou mesmo com plantas desvalorizadas. Utilizam-se folhas, frutos, flores, raízes, sementes/amêndoas, brotos e palmitos. Para isso, basta usar a criatividade.

No Brasil, a maior parte dos alimentos vem do plantio de monoculturas, a economia familiar e orgânica é muito pouco estimulada, o nos prejudica de diversas formas. Estima-se que 35 mil espécies tenham potencial comestível, e hoje 90% da nossa comida vem de 20 espécies –  mostrando que consumimos menos de 0,04% da biodiversidade. Além disso, sabe-se que 25% da flora de qualquer bioma é comestível, o que quebra os mitos de que existem regiões pobres em alimentos.

Por isso vamos começar a diversificar nosso plantio, e isso pode começar pelo jardim da nossa casa!

Comece prestando atenção ao seu jardim.

Jardim  por BACSAC®
BACSAC®

Le carré potager BACSAC : outil pédagogique

BACSAC®

Um bom começo para atrair as plantas selvagens é dar atenção ao espaço de terra que você irá usar. Na medida que a terra ganha vida e verde as plantas selvagens são atraídas. As plantas selvagens são carregadas de energia vital, elas não precisam tanto do cuidado alheio para se desenvolverem pois são extremamente resistentes as adversidades. A terra precisa de substrato e nutrientes. Você pode começar plantando pequenas mudas de ervas comestíveis ou mesmo sementes de frutas que consumir na sua casa. Um bom exemplo é o tomatinho cereja, que tem uma adaptação boa ao solo – é só separar suas sementes e colocar na terra.

Diversidade

Com o desenvolvimento do seu jardim algumas outras espécies irão começar a aparecer. Mas como? É simples, a terra preparada atrai pássaros e insetos. Estes pequenos bichinhos ajudam muito a cultivar o verde, a presença deles nos jardins é um sinal de saúde, e nos diz que tudo está indo bem. Estes visitantes, e também o vento, trazem algumas surpresas sem que precisamos pedir. São sementes! A principio, qualquer verde que começar a surgir na terra é bem vindo! No começo da sua horta é bom não selecionar muito deixe tudo crescer e ganhar vida. Aos poucos você irá refinar seu olhar e conseguir selecionar o que pode tirar e o que quer deixar.

Pancs

Jardins modernos por Terra
Terra

Jardin de Flores

Terra

Se você conseguiu estudar um pouco sobra as PANCs, e principalmente experimentá-las, descobrirá algumas espécies que gosta. Ai fica fácil, pegue uma muda (um pedaço da planta que tenha um pouco de folhas verdes e também algumas raízes e coloque em sua terra. Algumas dicas irão fazer sua horta se desenvolver com facilidade:

Primeiramente a terra deve ser fofa. Isto é, uma terra dura não dá espaço para raízes se desenvolverem com facilidade e nem mesmo a água escorrer lá para o fundo. Sendo assim, antes de começar a plantar você deve mexer na terra. Seja com uma enxada ou com uma pá solte os blocos de terra e lembre-se de nunca bater e comprimir a terra.

Esse lindo jardim, por exemplo, foi planejado pelo escritório Terra!

Rega

A água e a rega também precisam de sua atenção. A quantidade de água vai variar de acordo com o clima dos dias, se o sol está forte ou se anda chovendo. Procure não exagerar na água, isto pode afogar suas plantas. E fique sempre de olho na coloração das folhas elas indicam como a planta está. Quando for regar não jogue a água diretamente no solo, isto também colabora para deixar a terra dura, use um regador ou mesmo suas mãos para deixar a água cair mais suavemente.

Se você deseja ajuda para harmonizar seu jardim, não deixe de ler Como fazer um jardim holístico !

Sol

Outra estratégia muito importante é tomar cuidado com o sol. Sol de mais pode secar a terra e deixá-la dura o que não é bom para as plantinhas. Por isso procure recolher folhas secas de qualquer tipo, qualquer mato já está valendo. Pode parecer esquisito num primeiro momento, mas jogando as folhas por cima da terra você estará protegendo da luz direta e ainda criando uma reserva de nutrientes e substrato para todo o local.

Caminhos

É sempre bom marcar os locais onde você irá pisar quando estiver fazendo os cuidados para não comprimir a terra e nem mesmo amassar alguma planta ainda pequena. Para isso, use pedaços de madeira para marcar os caminhos. Além de criar uma organização no seu espaço a madeira também serve como reservatório de água, que será usado pelo solo quando precisar!

E você? Conhece alguma PANC?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda para projetar a sua casa? Entre em contato!

Encontre inspiração para sua casa!