Como manter seu ático aquecido!

ana roman ana roman
Loading admin actions …

Para aproveitar todos os espaços da casa, é muito comum que se construa um ático. O ático é um cômodo construído abaixo do telhado, e costuma ter o pé direito mais baixo que os outros ambientes da casa. Também são cada vez mais comuns flats montados na parte superior dos edifícios, sobretudo em países da Europa. Esses apartamentos costumam ser premiados por vistas maravilhosas. 

O problema desses cômodos é que, por estarem sempre na parte superior do edifício ou casa, eles recebem todo a friagem que vem dos pisos inferiores. 

Apesar de sua localização não tão privilegiada dentro da casa, com alguns elementos simples é possível deixa-lo bastante aconchegante e transformá-lo em um quarto a mais na casa. Em países europeus, onde o frio é mais forte, a maioria das pessoas possui aquecimento central durante a maior parte do dia. A casa fica quentinha, mas o reflexo chega na conta de luz e gás no fim do mês, que costuma vir bem altas. 

Além disso, a maior parte desses sistemas de aquecimento é feita a partir da queima de gás natural, o que implica num grande nível de poluição e emissão de gases do efeito estufa. Assim, para além da economia, uma decoração que ajude a manter a casa aquecida também contribui para um planeta mais sustentável. 

Sobretudo nos dias frios, alguns cuidados são necessários para aquecer e manter a temperatura alta no seu ático. Para quem possui algum tipo de aquecedor em casa, o ideal é deixar o aparelho aceso por um certo período de tempo (meia hora ou mais), e depois, para não gastar muita energia elétrica, desligar o aquecedor e tomar precauções para que o calor não saia do quarto, deixando as janelas e portas fechadas todo o tempo – e sempre com o cuidado de não deixar nada incandescente como velas ou incensos quando estiver em ambientes muito fechados. Além disso, se você dormir em esse cômodo, não é saudável ter plantas durante a noite, porque elas emitem gás carbônico em grande quantidade.

Além disso, é necessário lembrar que há dois tipos de materiais: os condutores e os isolantes térmicos. Os materiais metálicos são os melhores condutores térmicos. Já os melhores isolantes são a cerâmica, o vidro, a madeira, a lã, a lã de vidro, tecidos em geral, espuma, etc. Assim, uma boa saída é abusar desses materiais, sempre combinando o uso prático (isolar o frio) de sua utilidade decorativa.

Se o seu problema é o frio, outra dica importante é abusar de materiais de lãs e tapetes felpudos. Carpetes simples também funcionam como bons isolantes térmicos. Além disso, cortinas grossas também contribuem para manter o calor dentro e impedir que o frio entre.

Além disso, prefira as lâmpadas incandescentes às fosforescentes, porque elas costumam emitir mais calor e sua cor amarelada da uma maior sensação de aquecimento. Também tenha cuidado com frestas, ou correntes de ar. Nos piores dias, fique atento em deixar o máximo possível de portas fechadas, para justamente evitar o vento encanado. Certifique-se que as janelas se fecham por completo, e não deixam pequenos espaços por onde entrar o frio. Além disso, durante o dia, é necessário aproveitar a luz do Sol para aquecer e reduzir a umidade dos ambientes. A parte boa é que os áticos costumam ser sempre bastante iluminados pelo Sol.

Estantes

Outro truque é colocar estantes de madeira cheias de livros. Essa opção deve ser evitada pelos alérgicos, porque o papel costuma juntar muito pó. Por outro lado, impedem a entrada do frio pelas paredes. Por último, os livros permitem mais um aspecto de decoração à casa, sobretudo para aqueles ávidos pela leitura. Essa solução é especialmente válida quando o ático é utilizado como quarto de estudos.

Mobília certa

Ter o cômodo com uma mobília bastante completa ajuda a manter a temperatura. Sofás, poltronas, bancos estofados e principalmente os tapetes ajudam a dar o tom aconchegante ao quarto. O tapete é especialmente importante porque isola o frio que vem dos pisos inferiores. Carpetes que cobrem todo o chão resolvem bem o problema, apesar de dificultar na limpeza da sala e acumular ácaros. Os tapetes convencionais, além de permitir mudar o aspecto do cômodo de tempos em tempos, facilitam a limpeza e podem ser removidos no verão.

Conforto europeu

Salas de estar clássicas por Peter Silk
Peter Silk

The Pureycust, Townhouses, York city

Peter Silk

Na foto ao lado temos um exemplo de uma casa tipicamente europeia, adaptada para o frio. As cortinas são grossas e pesada, o chão é revestido de carpete, e os bancos estofados. O papel de parede também ajuda na sensação de aconchego e dá um toque de alegria ao cômodo -- o que ajuda nos dias mais cinzas e frios do inverno.

Cortinas

Salas de estar clássicas por Etons of Bath
Etons of Bath

Georgian Country House

Etons of Bath

Cortinas e persianas são um detalhe importante se o objetivo é aquecer a casa. Prefira os tecidos mais grossos e evite colocar unicamente persianas metálicas, já que o metal é condutor térmico. Os mongóis, por exemplo, por muito tempo foram nômades que viviam no deserto mudando de lugar. O deserto à noite pode alcançar temperaturas surpreendentemente baixas, no entanto, nos seus muitos anos de experiência eles desenvolveram os yurts, que eram barracas que poderiam levar com eles, e as aqueciam colocando tapetes, cortinas e panos onde fosse possível. Tapetes no solo, cortinas grossas nas paredes. Dessa forma, conseguiam resolver com relativo conforto, o extremo frio desértico.

Luz

A iluminação artificial, assim como a natural, possui certa quantidade de energia em forma de calor. Dependendo da luz escolhida essa característica pode ter mais ou menos intensidade. As luzes florescentes por exemplo, nesse caso são uma péssima escolha, uma vez que são comumente conhecidas como luzes frias. As luzes quentes, amarelas, incandescentes, nesse caso seriam uma escolha mais acertada, pois podem auxiliar no aquecimento do ambiente. Uma curiosidade é que embora as luzes incandescentes sejam realmente mais quentes que as florescentes, essa terminologia vem de outro fator, que é a temperatura de cor, que vem da cor, e não da temperatura em si. 

E você? Também pensa em construir um ático?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda para projetar a sua casa? Entre em contato!

Encontre inspiração para sua casa!