Salas de estar  por ARCHITETTO LAURA LISBO

75 m² para 4 pessoas: um apartamento funcional e perfeito (com a planta)

Marina Mantovanini – Homify Marina Mantovanini – Homify

SOLICITAR ORÇAMENTO

Número incorreto. Por favor, corrija o código do país (+55 para o Brasil), código da cidade ou número de telefone.
Ao clicar em 'Enviar', confirmo que li os Política de privacidade e aceitei que a minha informação será processada para responder ao meu pedido.
Nota: Poderá anular seu consentimento enviando email privacy@homify.com com efeito futuro
Loading admin actions …

Acha impossível quatro pessoas viverem numa casa muito pequena? Não é. Hoje ,vamos mostrar um estupendo trabalho de remodelação e redistribuição levado a cabo pela arquiteta italiana Laura Lisbo. Ela renovou um modesto apartamento de 75 m² para uma família de quatro pessoas e o tornou mais funcional e bonito.

Antes da intervenção, o apartamento denotava muitas deficiências no que diz respeito à organização de espaço que foram se revelando no dia-a-dia da família e que limitavam a fluidez de circulação e convivência na casa. O resultado obtido pela arquiteta deixou os clientes muito satisfeitos. Ela conseguiu dar uma nova vida à casa transformando um espaço pequeno e deficiente num espaço agradável e muito funcional.

Vista geral

À primeira vista, o apartamento parece agradável e elegante. Os tons creme das paredes dão um toque de sobriedade e bom gosto. O piso cinza muito claro reflete a luz e ajuda a iluminar a sala, criando uma atmosfera brilhante e acolhedora. A iluminação artificial consiste numa série de luzes embutidas no teto branco, que banham sutilmente o espaço de luz sem o sobrecarregar.

Uma parede estreita de cimento polido e uma prateleira branca semitransparente separam a sala de estar da área de refeições e da cozinha. Estamos perante uma área ampla e livre, onde é fácil a circulação.

Antes – uma distribuição muito estranha

Esta imagem mostra a distribuição do apartamento antes da intervenção. Imediatamente depois de entrar, o hall nos leva à cozinha através da qual se chegava a um quarto de criança extremamente pequeno. Uma solução nada prática, muito pouco funcional e até mesmo perigosa. Esta foi a principal razão que levou o cliente a entrar em contato com a arquiteta e a decidir colocar mãos à obra.

Regressando à cozinha e seguindo pelo hall de entrada encontra-se, de ambos os lados, os banheiros recentemente renovados. No entanto, atrás do banheiro do lado direito fica o quarto principal e do lado esquerdo, com um acesso um pouco escondido, uma sala onde metade do espaço estava desperdiçado. 

Era, sem dúvida, uma distribuição complicada, sem lógica e até um pouco absurda.

Depois – espaço funcional

Disposto da forma acima mencionada, era impossível este apartamento acomodar uma família em crescimento e cumprir integralmente com as suas necessidades sem a reforma.

Qual foi o resultado?

Onde se encontrava a pequena e apertada cozinha foi construída uma pequena, mas acolhedora sala de estar e o que antes era o quarto de criança foi transformado numa cozinha e sala de jantar que se separa da sala de estar por uma parede de cimento polido e uma prateleira semitransparente. 

As casas de banho mantiveram-se intactas, mas atrás delas a mudança foi total: onde antigamente era o quarto principal foi criado um quarto de criança duplo, delimitando a privacidade de cada uma das áreas com uma estante e deixando as camas nos limites do quarto de forma a aproveitar o máximo de espaço possível. Por fim, o que antes era uma sala ampla. mas mal aproveitada, foi convertida num espaçoso quarto de casal, onde foi possível incluir um closet com armário escondido por trás da cabeceira da cama. Uma excelente solução.

Pequena sala de estar

A sala de estar é composta por um grande sofá de três lugares em tom cinza escuro e estilo moderno com a opção de se estender em caso de necessidade. A falta de espaço para outros móveis levou a que se aproveitasse o espaço das paredes para colocar prateleiras e criar espaços de arrumação. Ao lado, uma grande janela permite a entrada de luz natural filtrada nos dias de sol mais intenso por uma cortina branca semitransparente.

Cozinha branca e moderna

Os móveis de cozinha usam duas paredes, deixando o canto oposto livre para alojar a área de refeições. O seu estilo elegante e moderno destaca-se graças à brilhante cor branca das portas sem puxador e ao aço inoxidável dos eletrodomésticos. A mesa de jantar é contemporânea e se sobressai pelo brilho da moderna mesa de vidro transparente, das cadeiras de acrílico e da estrutura metálica. Tudo isto contribui para a criação de um espaço que parece mais amplo e luminoso. Uma cozinha requintada e funcional para compartilhar com a família as melhores refeições.

Um novo espaço

Esta foi a parte do projeto que exigiu demolição e reconstrução de paredes. Onde agora está uma parede estreita de cimento polido e uma prateleira semitransparente estava uma grande parede que separava a cozinha do quarto de criança. A porta encontrava-se onde está agora a geladeira. Hoje, os residentes podem desfrutar de um amplo espaço separado apenas por dois elementos muito leves. Uma alteração simples que tornou a casa muito mais cômoda e funcional.

Um mecanismo inteligente

Quando é preciso aproveitar o espaço de um pequeno apartamento todas as opções são válidas. O truque está em criar estratégias bem definidas para fazer funcionar cada área da melhor forma. É isso que é possível ver na imagem. Se há muita gente para jantar, a prateleira que separa a área de refeições da sala de estar pode ser movida pois tem rodas. Pode assim virar, encostar na parede e passar a fazer parte do móvel de televisão, permitindo que a cozinha, a sala de jantar e a sala de estar se transformem num único espaço de grandes dimensões. Uma solução prática e inteligente que, sem subtrair espaço, permite separar ou unir as duas áreas.

O que você achou da reforma deste apartamento?
Casas  por Casas inHAUS

Precisa de ajuda para projetar a sua casa? Entre em contato!

Encontre inspiração para sua casa!