A estética do aço na arquitetura e na decoração

Tony Santos Arquitetura Tony Santos Arquitetura
Loading admin actions …

Em 1889, a emblemática Torre Eiffel, em Paris, materializada com vigas e pilares de aço, inaugurava um novo modo de projetar e construir. O aço é um material com amplas possibilidades de uso, de grandes edificações a obras de arte e mobiliário. O controle de qualidade da indústria, da fundição à usinagem e pintura, e a precisão milimétrica da montagem são muito superiores em comparação ao método artesanal, amplamente empregado no país. 

No Brasil ainda predomina a cultura construtiva baseada no concreto, mas nos últimos 15 anos o país começou a explorar com mais intensidade essa alternativa construtiva. Se o Brasil ao longo do século XX criou sua própria estética do concreto, graças ao talento dos arquitetos modernistas da escola paulista e carioca, com destaque para as obras de Paulo Mendes da Rocha e Oscar Niemeyer, no século XXI temos a chance de criar a estética do aço.

Neste artigo apresentamos projetos e mobiliários concebidos que empregam o aço, que expressam as qualidades funcionais, estéticas e ambientais deste material versátil e arrojado.

Legos gigantes

MODERNIZAÇÃO DO ESTÁDIO BEIRA-RIO: Estádios  por Hype Studio
Hype Studio

MODERNIZAÇÃO DO ESTÁDIO BEIRA-RIO

Hype Studio

Projetos como o Centro Georges Pompidou, em Paris, a Estação Oriente, em Lisboa, evidenciam a riqueza de soluções e as qualidades estéticas inerentes ao uso de estruturas metálicas em aço. Porém, a questão técnica, em alguns casos prevalece sobre a questão estética na hora da escolha do sistema estrutural. Neste projeto de revitalização do Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre, o aço foi escolhido como solução para a nova estrutura de cobertura do estádio, devido à sua leveza, precisão, adaptabilidade e praticidade. As 65 treliças metálicas foram montadas fora do canteiro de obra e, posteriormente, transportadas para a obra, resultando numa execução mais limpa e ágil, portanto, em redução dos custos. Neste projeto, a estrutura metálica é combinada com membranas de PTFE, material sintético, que cobrem o espaço.

O aço na arquitetura residencial

O custo-benefício é um fator determinante na escolha do sistema construtivo. Quando previsto no projeto arquitetônico, o emprego de estruturas metálicas em aço acarreta uma economia de até 30% nos custos das fundações, devido ao seu peso reduzido, e ainda viabiliza o uso de solos com baixa capacidade de carga, e acarreta uma redução de até 40% do tempo de execução das obras. Isto torna o aço uma solução construtiva cada vez mais atraente. Além disto, o avanço tecnológico do aço tem permitido sua versatilidade tanto estrutural quanto estética em obras residenciais. Neste projeto, Casa das Gerais, as estruturas colunas e vigas metálicas aparentes conferem a edificação um aspecto arrojado e único.

Estrutura e tubulações de aço aparentes

Um rápido olhar sobre algumas referências arquitetônicas da atualidade nos revela o caráter contemporâneo do aço. O aspecto estético contemporâneo e arrojado deste tipo de estrutura aliado a sua versatilidade e flexibilidade permite uma infinidade de soluções construtivas, estruturais e estéticas. Neste projeto, além das estruturas metálicas aparentes, tubulações, a escada e as esquadrias metálicas foram todas pintadas de cinza e realçam a estética contemporânea e industrial do ambiente.

Reaproveitamento de peças de aço

Além da sua estética contemporânea e arrojada, o emprego de estruturas de aço gera menos impacto ambiental em termos de consumo de energia, consumo de matérias-primas e geração de resíduos durante a construção. Além disto, o aço é o único material totalmente reciclável. Portanto, em tempos de busca de soluções construtivas sustentáveis e mais ecológicas para a arquitetura e o design de interiores, as estruturas de aço são uma alternativa pertinente e vantajosa. Neste projeto, além da estrutura metálica aparente, o forro foi revestido e decorado com sucatas de aço, reaproveitadas como objetos decorativos.

Correntes de aço na decoração

Neste projeto de design de interiores, o uso de correntes de aço como divisória e definição de planos verticais na composição do espaço, empresta ao ambiente as propriedades estéticas do aço e conferem-lhe, combinada com superfícies e mobiliário na cor preta, uma atmosfera industrial enigmática e inusitada.

Prateleira e divisória de aço

As propriedades mecânicas e estéticas do aço também são exploradas no design de mobiliário. Prateleiras de aço, além de leves e resistentes, como neste ambiente, podem contribuir para a divisão física de espaços, mas permitir a integração visual, em maior ou menor grau, e a fruição da luz e da ventilação.

Mesa de centro em aço

Devido a sua versatilidade, o aço permite o design de infinitas e inusitadas formas. Neste modelo de mesa de centro, para a sala de estar, o desenho faz referência direta à Torre Eiffel, um ícone da construção em aço, para quem deseja uma lembrança visual permanente de Paris no seu lar.

Mobiliários em aço

Octa System por Joao Diniz Arquitetura: Arte  por JOAO DINIZ ARQUITETURA
JOAO DINIZ ARQUITETURA

Octa System por Joao Diniz Arquitetura

JOAO DINIZ ARQUITETURA

Um dos recursos mais utilizados nas estruturas metálicas é a composição de treliças espaciais, arranjos tridimensionais em forma de triângulos, que combinam elevada resistência mecânica e leveza. Este recurso também é explorado no design de mobiliário. Neste exemplo, mesa e cadeira utilizam o arranjo de perfis metálicos treliçados, resultando numa forma delicada e num desenho despojado e livre.

Cadeiras de aço

Cozinha  por Duffy London
Duffy London

Stainless Steel Shadow Chair

Duffy London

Apesar da simplicidade formal, estas cadeiras em aço inoxidável exploram as qualidades mecânicas e, principalmente, estéticas deste material. As superfícies lisas, brilhantes e reflexivas emprestam ao ambiente sua sofisticação e expressam seu caráter contemporâneo e refinado.

Banheira clássica de aço

Banheiros clássicos por Hurlingham Baths
Hurlingham Baths

Schooner Cast Iron Bath with Hand Polished Exterior & Feet

Hurlingham Baths

Para concluir, o aspecto industrial e arrojado e a textura lisa e escovada do aço também podem ser combinados com formas clássicas, resultando em objetos com aparência contemporânea e atraente, como o desenho desta banheira e seus pés trabalhados em detalhes.

Qual material expressa melhor a sua personalidade, o concreto, a madeira, o vidro ou o aço?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda para projetar a sua casa? Entre em contato!

Encontre inspiração para sua casa!