SOLICITAR ORÇAMENTO

Número incorreto. Por favor, corrija o código do país (+55 para o Brasil), código da cidade ou número de telefone.
Ao clicar em 'Enviar', confirmo que li os Política de privacidade e aceitei que a minha informação será processada para responder ao meu pedido.
Nota: Poderá anular seu consentimento enviando email privacy@homify.com com efeito futuro

5 inovadores escritórios de arquitetura

Gustavo de Campos Gustavo de Campos
Loading admin actions …

É comum um arquiteto recém-formado, juntar alguns amigos com interesses semelhantes e procurar os caminhos para abrir um escritório. Em outras situações isso ocorre com um profissional já estabilizado no mercado, mas que vim em uma sociedade a possibilidade de alçar voos mais altos. Já em outros casos, o profissional trabalha com seu próprio nome sob os holofotes, mas possui uma grande equipe com outros arquitetos e arquitetas trabalhando arduamente para dar vida aos projetos previamente concebidos pelo arquiteto ou arquiteta chefe.

Selecionamos aqui 5 escritórios de arquitetura que se encaixam em alguma dessas categorias. Eles foram escolhidos pela excelência de seus projetos, suas atuações em âmbito nacional ou internacional e o fato de contarem com um corpo de profissionais que se associam a um arquiteto ou arquiteta que desempenha o papel de líder. Se apaixone por esses cinco grandes escritórios de arquitetura!

BIG

Museus  por BIG-BJARKE INGELS GROUP
BIG-BJARKE INGELS GROUP

DANISH NATIONAL MARITIME MUSEUM

BIG-BJARKE INGELS GROUP

Comando por Bjarke Ingels, o BIG (Bjarke Ingels Group) desenvolve projetos por todo o mundo, especialmente na Europa. Seus projetos se caracterizam pelo uso sábio da topografia no qual se inserem. As diferenças de nível dos terrenos, bem como a sua composição e estrutura, são exploradas muito bem por este escritório que pode ser identificado com um único olhar.

BIG

Museus  por BIG-BJARKE INGELS GROUP
BIG-BJARKE INGELS GROUP

DANISH NATIONAL MARITIME MUSEUM

BIG-BJARKE INGELS GROUP

A luz natural que adentra seus projetos do BIG se dá normalmente através das longas fachadas de vidro empregadas. O pé direito alto favorece a iluminação e as cortinas de vidro permitem o contato visual entre interior e exterior. Em países com baixa incidência solar, como nos do norte da Europa, essas caracteristicas se tornam imprecindíveis e o BIG explora todas elas, criando projetos intigantes e originais.

Vigliecca e Associados

Hector Vigliecca, arquiteto proveniente de Montevideu, Uruguai, estabeleceu a sede de seu escritório na cidade de São Paulo e desde então se considera um arquiteto brasileiro, podendo ser incluído entre os profissionais deste país. Os projetos deste escritório variam de habitações de moradia social, centros culturais e sedes públicas até readequação de estádios de futebol para a Copa do Mundo sediada no Brasil em 2014.

Vigliecca e Associados

Vigliecca e Associados tem grande parte de sua produção vinda de projetos públicos. Estes são disputados através de concursos e o escritório é um dos que mais fatura prêmios nesta categoria (o escritório tem como porcentagem ter vencido 18% dos concursos que participou, uma média extraordinária dentro do cenário nacional). Seu estilo varia conforme o escopo do projeto, entretanto, a simplicidade arrojada com que trabalha as estruturas está sempre presente e trabalha sempre a favor do projeto, nunca priorizando apenas a funcionalidade ou apenas a estética.

Spaceworkers

Este escritório português localizado em Paredes, ao norte de Portugal, é liderado pelos arquitetos Henrique Marques e Rui Dinis. A busca incessante da compatibilização da forma arquitetônica com a topografia do terreno e as exigências básicas de uma arquitetura térmica e ergonomicamente confortável, leva o Spaceworkers a soluções cada vez mais ousadas. A horizontalidade de alguns projetos residenciais lembra um pouco o escritório brasileiro MK27, sobre o qual falaremos em breve.

Spaceworkers

Um piscina que parte do exterior da casa e a adentra, de modo a criar uma área iluminada e outra sombreada para seu uso é uma das soluções ousadas que o escritório português propõe. A água ajuda a diminuir a sensação térmica do calor do verão português e serve como refúgio nos dias de lazer e horas de relaxamento. Arquitetura profundamente pautada no jogo de aberturas e fechamentos de superfície, se destaca no cenário português por sua linguagem simples porém eficiente.

Shigeru Ban Architects

Ao mostrar a estrutura em papel no interior e no exterior de seus edifícios, o Shigeru Ban Architects causa espanto aos mais desavisados e completa admiração nos que se encantam com a maneira como um material tão simples pode ser usado para construção de um edifício todo. Fora o uso do material, a sensibilidade que ele apresenta também é notável, adaptando-se habilmente a cada contexto. Não é atoa que ganhou o Nobel da arquitetura

Shigeru Ban Architects

Liderado por Shigeru Ban, vencedor do Prêmio Pritzker (algo como o ’Nobel da arquitetura) em 2014), este escritório tem como linha básica as premissas de seu mestre. O trabalho com papel é uma constante. Shigeru descobriu que o papel, quando dobrado e compactado da maneira correta, pode servir como estrutura para edifícios. A praticidade do material o levou a usar para construir edifícios em lugares que sofreram desastres naturais, chegando a construir até mesmo um templo cristão com papel.

Studio MK27

Cobogó House: Casas  por Studio MK27
Studio MK27

Cobogó House

Studio MK27

O escritório comandado por Marcio Kogan, vindo da Faculdade de Arquitetura e Urbanismo do Mackenzie, o MK27 atua majoritariamente em território nacional e desenvolveu um estilo muito particular de projetar as residências (principais encomendas do escritório): elas são desenvolvidas com ênfase na horizontalidade e integração do pavimento interno térreo com o pavimento externo térreo, enquanto o pavimento superior (suas residências normalmente possuem dois pavimentos) se constitui numa área mais reserva, onde os quartos e suítes se localizam.

Studio MK27

Cobogó House: Casas  por Studio MK27
Studio MK27

Cobogó House

Studio MK27

A integração entre o ambiente interno e externo no térreo exige vedações que de alguma maneira trabalhem a favor dessa solução. Em muitos projetos o escritório usa e abusa de painéis e porta de correr, mas em outros também faz uso dos cobogós e demais elementos vazados, filtrando a luz de maneira a moldar sua entrada no ambiente interna e não provocar alterações indesejadas, seja na iluminação propriamente dita ou na temperatura interna. Um escritório com uma assinatura próprio no estilo dos projetos.

Para melhor se inteirar de como a sede de um escritório pode vir a ser, clique neste link e se apaixone pelo lugar onde as ideias nascem!

Se inspirou com estes fantásticos escritórios? Conte-nos qual deles mais te chamou atenção e qual a razão disso.
Casas  por Casas inHAUS

Precisa de ajuda para projetar a sua casa? Entre em contato!

Encontre inspiração para sua casa!